Vilanova diz que não teme suceder Guardiola no Barça

Por AE -AP

Barcelona – Apresentado oficialmente como novo técnico do Barcelona nesta sexta-feira, Tito Vilanova disse que ele não se intimida com o desafio de suceder Pep Guardiola, mas também reconheceu que as suas chances de ser tão bem sucedido como seu antecessor e mentor são mínimas.

Vilanova se tornou treinador do Barcelona ao assinar contrato por dois anos nesta sexta. O treinador foi assistente de Guardiola, que conquistou 14 de 19 títulos possíveis em quatro temporadas. “Eu não estou preocupado com as comparações. Estou ciente de que perderia todas com Pep, mas eu não estou aqui para isso. Estou aqui para trabalhar”, disse Vilanova.

O treinador reconheceu que tendo estrelas como Lionel Messi no plantel, a sua margem de erros é quase inexistente. “Eu não peço paciência para os torcedores, eles vão querer ver o time continuar ganhando, como fez nos últimos anos”.

Vilanova reconheceu que será difícil repetir o fascinante estilo de jogo e as vitórias do Barcelona sob o comando de Guardiola, mas revelou apostar na sua experiência com os jogadores, muitos deles formados por ele nas categorias de base do clube, para conseguir.

“Eu sei que será difícil, provavelmente nenhum outro treinador assumiu nesta situação, após o período de mais sucesso do clube”, disse Vilanova. “Será muito difícil repetir. Eu tenho uma vantagem, porque eu formei parte da equipe que conquistou tantos títulos. Este é um grupo de jogadores que ganhou tudo, mas que querem continuar vencendo e manter a nossa maneira de jogar”.

Durante a última temporada, Guardiola se recusou a continuar no Barcelona, apesar do interesse do clube, alegando que precisava de uma pausa no futebol. Assim, o clube decidiu apostar no auxiliar do treinador, que ficou mais conhecido por um desentendimento com o técnico José Mourinho durante a última edição da Supercopa da Espanha.

O treinador do Real Madrid enfiou um dedo no olho de Vilanova, que, como resposta, empurrou o português. O novo técnico do Barcelona prometeu que vai se controlar se uma situação parecida acontecer. “Eu vou ser muito calmo. Eu não fico nervoso”, disse. “Eu acho que o dia da minha apresentação como treinador não é o momento de falar sobre outros treinadores ou equipes”.

O Campeonato Espanhol começará no fim de semana dos dias 18 e 19 de agosto. O Barcelona vai tentar restabelecer seu domínio da competição nacional, depois do Real Madrid ser campeão na última temporada, quebrando uma série de três títulos consecutivos do time catalão.

Vilanova vai ficar fora do primeiro jogo da Supercopa da Espanha em razão da suspensão pelo incidente com Mourinho. Já o técnico português foi suspenso por duas partidas e, portanto, não vai dirigir o Real Madrid nos duelos com o Barcelona.