Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Três duplas brasileiras avançam às oitavas de final em Roma

O vôlei brasileiro segue com sucesso no Grand Slam de Roma. Nesta sexta-feira, três duplas brasileiras confirmaram a classificação para as oitavas de final do torneio. Alison/Emanuel e Ricardo/Pedro Cunha passaram de fase ao ficar na liderança de seus grupos. Já Márcio/Pedro Solberg necessitaram de uma rodada extra, mas também seguem vivos.

Para garantir o primeiro lugar do Grupo J, Alison e Emanuel não encontraram facilidade, mas superaram os tchecos Benes e Kubala por 2 sets a 1, com parciais de 19/21, 27/25, 15/11.

Márcio e Pedro Solberg serão os próximos adversários de Alison e Emanuel. Os dois derrotaram os letões Samoilovs/Sorokins por 2 sets a 0, parciais de 21/19 e 21/19. Com o resultado dos brasileiros, Márcio/Pedro Solberg, a dupla da Letônia e os noruegueses Skarlund/Spinnangr ficaram empatados na primeira posição. Entretanto, os representantes do Brasil levaram desvantagem nos critérios de desempate. Porém, Márcio e Pedro derrotaram os poloneses Fijalek e Prudel na sequência, com 21/19, 20/22 e 15/11, e foram às oitavas.

‘Conseguimos nos recuperar da derrota na segunda rodada e tivemos duas boas vitórias. Agora começa a fase decisiva e não podemos mais tropeçar. O próximo jogo será duríssimo, mas confio que podemos passar se fizemos um bom jogo’, ressaltou Márcio.

No Grupo M, Ricardo e Pedro Cunha não deram chances aos adversários e fecharam a primeira fase invictos. Os dois asseguraram o primeiro posto ao derrotar os holandeses Boersma e Spijkers com 2 sets a 0, parciais de 21/16 e 21/17. Nas oitavas de final, Benes e Kubala.

No Grupo N, Thiago e Ferramenta foram eliminados. Os dois já estavam com duas derrotas e ainda perderam a terceira para os norte-americanos Gibb e Rosenthal por 2 sets a 0, com 17/21 e 13/21.