Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Timão quer tirar Bota da disputa e disparar isolado em primeiro lugar

O Corinthians tem dois objetivos claros às 21h50 (de Brasília) desta quarta-feira, quando recebe o Botafogo, no Pacaembu. Além de tentar se manter na primeira colocação isolada do Campeonato Brasileiro logo após reassumir a liderança, a equipe quer tirar o rival direto da disputa pelo título abrindo larga vantagem.

Com cinco pontos e um compromisso a menos do que o líder (tem 46 pontos em 27 rodadas disputadas), o Botafogo é o único time, ao lado do próprio líder, que depende apenas de si neste momento para conquistar a competição nacional. Com isso, o reencontro entre eles no segundo turno ganha projeção ainda maior.

‘É um jogo que tem isso mesmo’, reconhece o zagueiro Leandro Castán. ‘Se a gente vencer, abre oito pontos de diferença para eles, fica mais difícil para chegarem, restando depois nove rodadas. Agora se vencerem encostarão na briga pelo título. Todo jogo agora é final de campeonato, todos eles serão confronto direto. E esse jogo também é muito importante’.

Para esta partida, o técnico Tite tem três desfalques: o volante Ralf, convocado para a Seleção Brasileira e que não chegará a tempo da partida, e os atacantes Liedson, que sofre dores recorrentes no joelho esquerdo, e Emerson, com desconforto muscular na coxa direita.No Botafogo, o técnico Caio Junior não se abalou com os últimos resultados e manteve vivo o sonho de ser campeão brasileiro. ‘Nossos últimos resultados não foram aqueles que eram esperados por nós e pelos nossos torcedores, mas não estamos nos afastando um único centímetro de nosso objetivo, que é a luta pelo título. Confiamos em nosso potencial e sabemos que podemos terminar na frente. O momento agora é de focar no Corinthians’, comentou.

Os jogadores botafoguenses concordam com o comandante e encaram a partida diante do Corinthians como uma ótima oportunidade de reação. ‘Ganhar dentro do Pacaembu lotado seria um resultado para nos dar de vez embalo nesta reta final da competição. Sabemos que o Brasileirão pode acabar sendo decidido nesses confrontos diretos e vamos em busca dos três pontos, mesmo respeitando demais o nosso adversário’, avaliou o zagueiro Antônio Carlos.

Em relação ao time que vai a campo, o goleiro Jéfferson, também servindo a Seleção, é dúvida. Sua escalação vai depender de como ele vai se reapresentar ao elenco. Caso ele não atue, Renan seguirá com a camisa 1. O lateral direito Lucas, suspenso por acúmulo de cartões amarelos, cede espaço para Alessandro. No ataque o time terá o reforço do ataque Mercosul. Herrera volta após cumprir suspensão, enquanto que Loco Abreu reaparece após servir a seleção uruguaia em compromissos pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014.

FICHA TÉCNICA

CORINTHIANS X BOTAFOGO

Local: Pacaembu, em São Paulo (SP)

Data: 12 de outubro de 2011, quarta-feira

Horário: 21h50 (de Brasília)

Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)

Assistentes: Erich Bandeira (Fifa-PE) e Alessandro Rocha de Matos (Fifa-BA)

CORINTHIANS: Julio Cesar; Alessandro, Paulo André, Leandro Castán e Fábio Santos; Moradei, Paulinho, Danilo e Alex; Willian e Jorge Henrique

Técnico: Tite

BOTAFOGO: Jéfferson (Renan); Alessandro, Antônio Carlos, Fábio Ferreira e Cortês; Marcelo Mattos, Renato, Elkeson e Maicosuel; Herrera e Loco Abreu

Técnico: Caio Junior