Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Técnicos de duplas do badminton expulsas dos Jogos também serão investigados

Londres, 2 ago (EFE).- Além das jogadoras, o corpo técnico das equipes de badminton expulsas dos Jogos Olímpicos acusadas de tentarem perder jogos de propósito para manipular o chaveamento do torneio de duplas feminina, será investigado, disse nesta quinta-feira o diretor de comunicação do COI, Mark Adams.

‘Não falaria de punições, mas pedimos aos comitês olímpicos que falem com o corpo técnico. É preciso ouvir o que eles têm a falar’, disse Adams.

Na quarta-feira, a Federação Mundial de Badminton excluiu oito atletas dos Jogos Olímpicos por manipulação de resultados. As duplas punidas foram a chinesa, a indonésia e duas sul-coreanas. Uma das atletas da China, Yu Yang, que foi campeã da modalidade nos Jogos de Pequim, anunciou a aposentadoria depois do escândalo.

Com relação às jogadoras, Adams foi sucinto. ‘O assunto está encerrado’. ‘Enviamos uma mensagem aos comitês avisando que se algo parecido voltar a acontecer, medidas serão tomadas’, disse.

Perguntado sobre as declarações do treinador da seleção feminina de futebol, Norio Sasaki, que admitiu ter recomendado a sua equipe que não ganhasse a partida contra a África do Sul, Adams disse que a situação é distinta ao do badminton. ‘Não é o mesmo caso. Não se pode provar. Há uma grande diferença entre um caso e outro’, disse Adams. EFE