Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ser líder no final é o que vale, diz Prass no Vasco

Por AE

Rio – A derrota para o Internacional na última rodada custou a liderança do Campeonato Brasileiro para o Vasco, agora nas mãos do Corinthians. Com 50 pontos na competição, um atrás da ponta, o time carioca espera se recuperar diante do Atlético-PR, nesta quinta-feira, fora de casa, para voltar à primeira colocação, mas já avisou: o que importa é ser o líder ao final da competição.

“Estamos inconformados com a nossa saída da liderança. Agora tem uma revolta interna porque temos que readquirir a liderança. É muito difícil se manter na liderança até a última rodada, mas o que vale é ser o líder na última rodada. Ainda temos 10 rodadas pela frente e muita coisa vai rolar. Agora precisamos ter ainda mais vontade de ganhar e encarar todos os jogos como uma decisão”, declarou o goleiro Fernando Prass.

O jogador lembrou que o Brasileirão segue muito equilibrado. Apenas oito pontos separam o Corinthians do sétimo colocado, Internacional, o que foi apontado como um “empate técnico” por ele. Por conta deste nivelamento, Prass admitiu que o confronto desta quinta, diante do 18.º no geral, com apenas 27 pontos, será complicado.

“Pela situação que o adversário vive na tabela, o jogo será truncado e muito difícil, até porque o Atlético-PR joga em casa. Vamos ter um jogo de muita luta na quinta-feira, muito contato físico e não vai faltar disposição da nossa parte”, afirmou.