Saviola decide e garante o quarto título do Benfica na Copa da Liga

A estrela do argentino Saviola brilhou neste sábado e garantiu a vitória do Benfica sobre o Gil Vicente, por 2 a 1, no Estádio Cidade de Coimbra. O triunfo valeu ao clube de Lisboa o quarto título da Copa da Liga Portuguesa, consolidando a hegemonia da equipe no torneio criado na temporada 2007/2008 do futebol europeu.

Em um primeiro tempo movimentado, o Benfica precisou ter uma grande atuação defensiva para segurar o ímpeto da equipe adversária. Sem se importar com o favoritismo dos lisboetas, o Gil Vicente partiu para o ataque e deu trabalho para os zagueiros da Águia.

Com a postura ofensiva da modesta equipe portuguesa, os encarnados conseguiram achar espaços no meio-campo e chegaram ao gol após uma desatenção de seus adversários. Rodrigo Galo foi desarmado pelo meia Bruno César, que avançou com a bola e cruzou na medida para que o brasileiro naturalizado espanhol Rodrigo Moreno cabeceasse no segundo pau, sem chances de defesa para o goleiro Adriano.

O gol trouxe tranquilidade aos lisboetas e permitiram o controle da partida até o intervalo. Com o início do segundo tempo, os comandados de Jorge Jesus passaram a administrar a vantagem e arriscaram alguns chutes esporádicos ao gol, exigindo boa participação de Adriano na meta.

A vitória certa do Benfica que se encaminhava na partida sofreu um inesperado revés nos últimos minutos do segundo tempo. Aos 34, Zé Luís chutou do centro da área e superou o arqueiro da Águia, levando apreensão para a torcida lisboeta.

No entanto, o gol sofrido não passou de um susto para os encarnados, que conseguiram desempatar logo em seguida. O argentino Saviola havia acabado de entrar em campo e se posicionou no lugar certo para receber o rebote do chute de Witsel em seus pés e arrematar para o gol vazio, decretando assim a vitória que levou o Benfica ao título da edição deste ano da Copa da Liga Portuguesa.