Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

São Paulo tem 24 horas para devolver Taça das Bolinhas

Justiça determinou que clube deve devolver o troféu para a Caixa Econômica Federal

Oito dias depois de receber a Taça das Bolinhas, prêmio para o primeiro pentacampeão nacional ou o time que conquistasse o torneio três vezes consecutivas, o São Paulo tem 24 horas para devolver o troféu à Caixa Econômica Federal. O juiz Gustavo Quintanilha Telles de Menezes, da 50ª Vara Cível do Rio de Janeiro, tomou a decisão após analisar uma ação movida pelo Flamengo, com a CBF como acusada. A taça ficará com a Caixa até que o impasse seja resolvido.

Em 14 de fevereiro, a Caixa Econômica Federal entregou a Taça das Bolinhas para o São Paulo, alegando que a CBF não reconheceria o título do Flamengo em 1987. Na ocasião, o time paulista organizou uma solenidade para receber o troféu. Na segunda-feira, a CBF reconheceu o título nacional de 1987 do Flamengo. Assim, o time carioca afirma que é o primeiro pentacampeão brasileiro. Patrícia Amorim, presidente do clube, pediu que o São Paulo devolvesse a taça. “Meu desejo é que eles tenham a nobreza de devolver a taça para a Caixa Econômica. Uma vez reconhecido o título, o primeiro pentacampeão é o Flamengo.”