Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

São Paulo demite Doriva e terá Milton Cruz até fim do ano

Contratado há pouco mais de um mês para substituir o colombiano Juan Carlos Osorio, técnico acumulou quatro derrotas em sete partidas à frente da equipe do Morumbi

O São Paulo anunciou nesta segunda-feira que Doriva não é mais o técnico do clube. A demissão acontece depois de apenas sete jogos do treinador no comando da equipe, com duas vitórias, um empate e quatro derrotas. O último jogo de Doriva foi no domingo, na derrota por 2 a 1 para o Cruzeiro, no Mineirão, pelo Brasileiro. Em nota, o São Paulo informou que o coordenador técnico Milton Cruz vai comandar o time nas quatro rodadas restantes do Brasileirão.

LEIA TAMBÉM:

São-paulino provoca Palmeiras por show dos Stones

Denis se inspira em Rogério Ceni e cogita bater faltas

Contratado para substituir o colombiano Juan Carlos Osorio, Doriva deixou a Ponte Preta para aceitar o desafio de liderar o São Paulo nos jogos finais da temporada. O técnico foi revelado pelo clube como volante na década de 1990 e chegou como um dos últimos atos da gestão do presidente Carlos Miguel Aidar. O dirigente renunciou ao cargo cinco dias depois da apresentação do treinador.

Doriva trabalhou no clube por pouco mais de um mês e nesse período foi eliminado da Copa do Brasil diante do Santos, com duas derrotas na semifinal. A queda impediu o São Paulo de terminar o ano com título e foi sacramentada com uma derrota por 3 a 1 na Vila Belmiro, quando o time do Morumbi levou todos os gols em apenas 23 minutos de partida. O treinador deixa a equipe em quinto lugar no Brasileirão, lutando por uma vaga na Libertadores.

(Com Estadão Conteúdo)