Roth prevê dificuldades diante do Figueirense

Diante de tantos clubes grandes no futebol brasileiro, enfrentar o Figueirense não parece ser uma tarefa das mais árduas para o Grêmio. Isso é na teoria. Na prática, os dois estão próximos na tabela, o Tricolor possui um ponto de vantagem para o adversário de quarta-feira e o jogo é encarado com seriedade extrema.

O técnico Celso Roth espera encontrar muitas dificuldades na 29rodada do Campeonato Brasileiro. ‘O campeonato está muito parecido, ninguém dispara. Todos estão muito perto. O Figueirense esta inserido nesse contexto. Começou muito bem, deu uma caída e se reequilibrou. Teremos um jogo difícil pela qualidade do Figueirense. As coisas são muito complicadas, pois o Figueirense tem um grupo qualificado, onde tem a participação ativa do time inteiro. Por isso vem fazendo uma boa campanha’, analisou.

O reforço da tarde será o estádio Olímpico. Desde a chegada de Roth, o time perdeu somente uma vez dentro de casa. Como mandante, o Grêmio conquistou 71% dos seus 39 pontos no Brasileirão.

Em campo o time terá três retornos. Edcarlos voltará a atuar na zaga, após ter contraído uma virose. Douglas retorna após ter cumprido suspensão e André Lima não sente mais dores no joelho e estará em campo às 16 horas (de Brasília).

A provável escalação tem: Victor; Mário Fernandes, Edcarlos, Rafael Marques e Julio Cesar; Fernando, Fábio Rochemback, Douglas, Marquinhos e Escudero; André Lima.