Roland Garros: Rogerinho e Bellucci são eliminados

Brasileiros caem na segunda rodada, e agora apenas Thiago Monteiro representa o país na chave de simples; Djokovic e Nadal avançam

Dois brasileiros foram eliminados nesta quarta-feira em Roland Garros. Thomaz Bellucci e Rogério Dutra Silva, o Rogerinho, não conseguiram avançar à terceira rodada do Slam francês.  Thiago Monteiro, que enfrentará o anfitrião Gael Monfils nesta quinta-feira, é o único representante do Brasil na chave de simples do torneio.

Rogerinho enfrentou o canadense Milos Raonic, cabeça de chave número 5 do torneio e atual sexto melhor jogador do mundo. No primeiro set, o brasileiro surpreendeu o favorito, vencendo por 6/4. Entretanto, o tenista de 1,96m conseguiu a virada, e fechou a partida em 3 sets a 1, parciais de 4/6, 6/2, 6/3, 6/4, após 2 horas e 23 minutos de jogo. Na terceira rodada, Raonic terá pela frente o espanhol Guillermo Garcia-López.

Mais tarde, Thomaz Bellucci se despediu do saibro francês. Após um início de primeiro set equilibrado, no qual o brasileiro abriu 4/1 de vantagem, o tenista da casa Lucas Pouille conseguiu empatar e virar a parcial, vencendo no tie-break. Sem chances de reagir, Bellucci perdeu a partida por 3 sets a 0, com parciais de 7/6 (7-5), 6/1 e 6/2.

Dentre os destaques da competição, Rafael Nadal e Novak Djokovic venceram suas respectivas partidas, sem muitas surpresas. O espanhol, que tenta se tornar o primeiro tenista a vencer dez títulos de um único Grand Slam, derrotou com tranquilidade o holandês Robin Haase, por 6/1, 6/4 e 6/3, enquanto o sérvio eliminou o português João Sousa, por 6/1, 6/4 e 6/3.

Na chave de duplas, o brasileiro Marcelo Melo avançou. Ao lado do parceiro polonês Lukasz Kubot, o mineiro eliminou a dupla francesa formada por Jeremy Chardy e Julien Benneteau, por 2 sets a 1, 2/6, 6/3 e 6/2.