Roger elogia Mancini e acredita em injeção de ânimo com novo técnico

O armador Roger, um dos líderes do elenco do Cruzeiro, acredita que com a chegada de Vágner de Mancini, a Raposa terá uma injeção de ânimo para retornar aos caminhos das vitórias, e consequentemente fugir do temido rebaixamento. O meia que já trabalhou com o novo comandante celeste, aprovou a contratação de Mancini, e rasga elogios ao novo treinador.

‘Ânimo novo. É um treinador que tem uma capacidade enorme, é jovem, tem um futuro brilhante pela frente, eu tive o prazer de trabalhar com ele no Grêmio. Tenho certeza que ele conseguindo passar por esse momento conturbado, fazendo com que a gente encontre um caminho adequado neste fim de temporada, tenho certeza que terá um grande futuro no Cruzeiro, pela qualidade que ele tem, pelo homem que ele é, pelo seu estilo de trabalho’, disse Roger, que entende que Vágner de Mancini tem o perfil ideal para o time celeste.

‘Eu vejo no Vágner características que se adaptarão muito bem aqui no Cruzeiro e tenho certeza que empenho e dedicação serão nossas prioridades, como vem sendo, mesmo com as derrotas. Nunca falta dedicação e entrega, o que faltou foram os resultados. Tomara que ele nos traga ânimo novo e faça com que nosso time volte a vencer’, afirmou.

Questionado sobre o risco de queda do Cruzeiro para a série B, Roger disse que a equipe tem que pensar jogo a jogo e não fazer projeções em cima dos próximos adversários. O jogador disse ainda, que a confiança do elenco é muito grande e que com certeza o time cruzeirense vai voltar a vencer no Campeonato Brasileiro.

‘Não podemos analisar a tabela de acordo com os próximos jogos, temos que encarar jogo a jogo. Vamos a Porto Alegre encarar o Grêmio. Quando o Mancini aceitou o desafio, analisou tudo que poderá acontecer, e por ter aceitado tem confiança no trabalho dele e no nosso. A confiança é enorme, a minha vai até o final. Não vou jogar a toalha, dentro de campo vou sempre dar o máximo e me esforçar para sair com o resultado positivo. Não passa pela minha cabeça rebaixamento’, concluiu.