Posse de bola ‘à la Barcelona’ é o segredo das vitórias, diz Muricy

Muita coisa parece ter mudado na Vila Belmiro depois da goleada por 4 a 0 sofrida diante do Barcelona na final do Mundial de Clubes, em dezembro do ano passado. Na visão do técnico Muricy Ramalho, que comandou o Santos na vitória sobre o Corinthians neste domingo – a sétima consecutiva no Campeonato Paulista – a posse de bola inspirada no time espanhol dá o tom do ‘novo Santos&rsq

O treinador evita falar objetivamente do time de Pep Guardiola, mas cita os ‘aprendizados’ trazidos do Japão sempre que é possível. O time está mais maduro, com a defesa consistente e o ataque eficiente. Na vice-liderança do Estadual, a equipe tem 27 pontos, com o melhor ataque (28 gols marcados) e a segunda melhor defesa (apenas 10 gols sofridos).

‘Tudo na vida se aprende. O time está ficando mais com a bola. Estamos bem distribuídos, com a defesa eficiente e o ataque agressivo, mas sempre jogando com inteligência. Nosso time é jovem e traz esses aprendizados. No futebol você tem que ter mais a bola para não tomar sustos’, afirmou Muricy depois da vitória do Peixe na reabertura da Vila Belmiro.Outra aposta do treinador na temporada 2012 é a respeito da diminuição dos erros: ‘Conversei no intervalo, quando estava 0 a 0, que as jogadas do Corinthians eram todas com os nossos erros. Eles ficaram postados para o contra-ataque o tempo todo. Aí entra mais uma coisa que nós temos de bom nesse Paulistão: o time está mais compacto, é fundamental não ter espaços no futebol de hoje’.

Depois da vitória sobre o Corinthians, os jogadores do Peixe se reapresentam no final da tarde de segunda-feira, no CT Rei Pelé, para atividade regenerativa e já na terça de manhã iniciam a preparação e a concentração para outro importante desafio. Quarta, às 19h45 (de Brasília), outra vez na Vila Belmiro, o Santos recebe o Inter em partida válida pela segunda rodada da Copa Libertadores.