Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Para Renato, equilíbrio fará Botafogo subir na tabela

Por AE

Rio – O Botafogo é o time dos extremos neste Campeonato Brasileiro. Em seis partidas, foram três vitórias e três derrotas, com 14 gols marcados e 13 sofridos, o que faz com que a equipe tenha o melhor ataque e a pior defesa da competição. Para fugir destes números, deixar a sétima colocação e se estabilizar entres os líderes, o volante Renato pediu equilíbrio a seus companheiros.

“O grupo tem a consciência de que poderia estar numa situação melhor na tabela. Estamos trabalhando para isso. Temos que encontrar o equilíbrio entre as nossas atuações”, declarou.

Depois de uma vitória sobre o Internacional, fora de casa, na quinta rodada, o Botafogo perdeu para a Ponte Preta em casa, no último domingo. Com o adiamento da partida contra o Corinthians para o dia 11 de julho, a equipe voltará a campo apenas no dia 7, diante do Bahia, pela oitava rodada, o que fará com o que o técnico Oswaldo de Oliveira tenha tempo para corrigir os erros.

“A gente ainda tem tempo para trabalhar, mas sabemos das dificuldades que encontramos nesses jogos. O mais importante é não ceder os contra-ataques. Contra a Ponte Preta cedemos. Temos que errar o mínimo possível para não favorecer o adversário e ter atenção os noventa minutos”, afirmou.

O volante de 33 anos garantiu estar fazendo sua parte e prometeu cuidar do condicionamento físico. “Procuro desde a base fazer sempre o melhor. Acredito que o trabalho físico só beneficia o jogador. Sei que não estou mais com 20 anos então procuro me cuidar muito. A cada treinamento procuro fazer o melhor para me condicionar bem e no jogo fazer o melhor possível”