Morre halterofilista brasileiro campeão do Parapan de Toronto

Joseano Felipe, de 42 anos, sofreu um infarto na madrugada desta quinta-feira; o atleta vivia a melhor fase de sua carreira no esporte

O atleta paralímpico Joseano Felipe, de 42 anos, campeão de halterofilismo no Parapan-Americano de Toronto, no Canadá, morreu nesta quinta-feira após sofrer um infarto em casa durante a madrugada em Natal, no Rio Grande do Norte. No último sábado, o esportista havia sido campeão da Copa do Mundo de Halterofilismo, evento-teste para os Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro. Disputando pela categoria até 107 quilos, ele quebrou o recorde das Américas ao levantar 206 quilos.

O presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro, Andrew Parsons, lamentou o ocorrido em sua conta oficial no Twitter: “Minha homenagem ao halterofilista campeão em Toronto Joseano Felipe que faleceu esta noite. Desejo força à sua família”, escreveu o executivo brasileiro, que também é vice-presidente do Comitê Paralímpico Internacional (IPC, na sigla em inglês).

Ciclista morre atropelado durante treino na Rio-Santos

Joseano era policial militar aposentado, formado no Rio Grande do Norte. Apesar de ter nascido na Paraíba, cresceu em Natal, capital potiguar. Em 2000, em uma operação especial, ele foi baleado na troca de tiros e ficou paraplégico. Em recente entrevista publicada no site oficial da Rio-2016, o ex-atleta contou que sofreu depressão após o incidente e entrou no esporte de forma inesperada: “Foi coincidência. Fui fazer hidroterapia em Natal, e no local tinha uma associação, a Sadef (Sociedade Amigos do Deficiente Físico). Um rapaz viu meu perfil e perguntou se eu queria treinar. Até então eu vivia em depressão, não saía nem na frente de casa”.

(Com Gazeta Press)