Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Monterrey bate Ulsan e enfrentará Chelsea no Mundial

Caso surpreenda e consiga avançar à decisão, time mexicano pode ser adversário do Corinthians na briga pelo título

O Monterrey confirmou seu favoritismo, venceu o Ulsan Hyundai por 3 a 1, neste domingo, em Toyota, e garantiu vaga nas semifinais do Mundial de Clubes. Agora a equipe mexicana terá a difícil tarefa de enfrentar na próxima quinta o Chelsea, um dos favoritos da competição, por uma vaga na final. Caso surpreenda e consiga avançar à decisão, pode ser adversária do Corinthians na briga pelo título.

A fragilidade do time sul-coreano fez com que o jogo fosse morno, com o Monterrey sempre no comando das ações. O principal destaque da equipe foi o atacante César Delgado, autor de dois gols. Com a vitória, os mexicanos já alcançam seu melhor resultado na história da competição, na segunda participação. Em 2011, eles foram eliminados logo na estreia, com derrota nos pênaltis para o Kashiwa Reysol.

Mas para alcançar o resultado, o Monterrey precisou superar a ausência de um de seus principais jogadores: o atacante chileno Humberto Suazo, que sentiu uma lesão muscular na perna direita e acabou vetado pela comissão técnica na véspera da partida.

Mesmo assim, os mexicanos começaram muito melhores neste domingo e logo aos nove minutos do primeiro tempo abriram o placar. Após cruzamento da direita, Aldo de Nigris foi inteligente e tocou no meio para Jesus Corona, que chegava pelo outro lado sozinho e só teve o trabalho de escorar para o gol.

O gol deu a vantagem que o Monterrey precisava, já que o Ulsan atacou pouco, e a equipe relaxou. Tanto, que o segundo gol só aconteceu aos 32 minutos do segundo tempo, quando o ataque mexicano trocou passes rápidos. Jesus Corona tocou de calcanhar para De Nigris, que achou César Delgado para marcar.

Apenas sete minutos depois, o próprio Delgado marcou o terceiro e definiu a vitória do time do México. Ele recebeu passe de Ayovi na entrada da área, ameaçou bater e cortou para o meio. Depois, tocou no canto direito do goleiro. Aos 43 minutos, Keunho Lee arriscou de longe, Orozco acertou e o Ulsan marcou seu gol de honra.

(Com Estadão Conteúdo)