Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Mesmo jogando mal, Coritiba vence o Timãozinho

Mais uma vez sem apresentar um bom futebol e com um resultado magro, o Coritiba bateu o Corinthians Paranaense por 2 a 1, no Eco Estádio Janguito Malucelli, para 113 pagantes, e segue lutando pela ponta da classificação do Campeonato Paranaense 2012. O resultado positivo é importante pelos três pontos os mandos, mas deixa a equipe em alerta, já que quem resolveu o jogo foram dois zagueiros.

Depois de um início sonolento de partida, o Coxa conseguiu abrir o placar aos 35 minutos, com Pereira, que desviou de cabeça cruzamento perfeito de Tcheco. Emerson ampliou a vantagem aos 41 minutos. Bruno Batata descontou aos 44 minutos. Depois do intervalo, o Timãozinho jogou melhor, mas não conseguiu alcançar o empate.

Na próxima rodada, o Corinthians Paranaense enfrenta o Londrina, domingo, em partida marcada para o Estádio do Café. Já o Coritiba terá pela frente o Iraty, no mesmo dia, no Estádio Coronel Emílio Gomes, em Irati.

O jogo – A partida começou morna, com muitos chutões e as equipes tentando se livrar da bola, sem criar absolutamente nada. Aos oito minutos, lançamento em velocidade para Andrezinho, que chegava com liberdade, mas Vanderlei deixou a meta para interceptar. Aos 13 minutos, Tcheco abriu o espaço e tentou o chute de longe, carimbando a defesa alvinegra

Muito travado no meio-campo, o jogo era tecnicamente fraco. Aos 17 minutos, o zagueiro Pereira apareceu na área para tentar resolver e a cabeçada saiu por cima da meta. Aos 21 minutos, Jackson fez a jogada na linha de fundo e levantou para Marcel, mas a defesa estava atenta para afastar. O calor poderia ser uma justificativa para a lentidão. Tanto que o árbitro deu tempo técnico.

Com a bola rolando novamente, Júnior Urso, que entrou no lugar do lesionado William, arriscou de longe, aos 31 minutos, pela linha de fundo. Até que, aos 35 minutos, Tcheco levantou bola na área e Pereira subiu para desviar de cabeça para o fundo das redes. Se o ataque não resolvia, a zaga dava conta do recado. Aos 41 minutos, Emerson, também de cabeça, ampliou a vantagem do Coxa. A resposta veio com Bruno Batata, que passou pelo goleiro e fez um belo gol, aos 44 minutos.

Na segunda etapa, o Coxa começou assustando com um chute de Marcel, logo no primeiro minutos, que carimbou a trave. No entanto, logo o marasmo voltou a partida. Aos sete minutos, Safira arriscou um chute e Lucas Mendes afastou. Mais uma contusão pelo lado alviverde, esta vez Tcheco deixou o campo para a entrada de Emerson Santos.

O técnico Lio Evaristo também começou a queimar as mudanças no Timãozinho para tentar buscar o empate. Aos 20 minutos, Wellington fez boa jogada individual, fez o cruzamento e Vanderlei deixou a meta para defender. Reclamação do Coritiba, aos 22 minutos, quando Eltinho foi travado na área e pediu pênalti, sem ser atendido.

O Timãozinho tinha maior volume de jogo, mas não conseguia transformar a posse de bola em gol. Aos 30 minutos, Vitor fuzilou de longe de Vanderlei espalmou. Também de fora da área, Emerson Santos respondeu, para fora. A partida se encaminhava para o final sem nenhum sinal de mudança no placar. Aos 40 minutos, foi a fez de Bruno Batata ser travado e pedir pênalti.