Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Médicos impedem Eusébio de acompanhar disputa de pênaltis

Após novos problemas cardíacos, Eusébio teve sua alta hospitalar antecipada de quinta para esta quarta-feira, o que não significou, porém, que ele pôde assistir à partida entre Portugal e Espanha, pela semifinal da Eurocopa.

‘Ele se sente um pouco nervoso quando vê os jogos do Benfica e da seleção, e o que ele mais precisa agora é ficar tranquilo’, afirmou João Paulo Gama, representante do Hospital da Luz, em Lisboa, onde Eusébio está internado desde que voltou para seu país.

Eusébio, portanto, não viu a seleção de Paulo Bento segurar a Espanha por 120 minutos e cair nos pênaltis, quando João Moutinho e Bruno Alves desperdiçaram suas cobranças.

Maior ídolo da história do futebol português, Eusébio teve alta nesta quarta-feira do hospital em que estava internado, em Poznan, na Polônia, onde estava como embaixador de Portugal na Eurocopa.

Essa foi a quarta vez que o ex-jogador, de 70 anos, foi internado nos últimos sete meses. Exames realizados em Poznan negaram a existência de um ataque cardíaco, como se suspeitou que o ex-jogador havia sofrido a princípio, mas apontaram um estado de saúde bastante frágil.