Massa comemora por sair ileso dos treinos na Hungria

O brasileiro Felipe Massa admitiu estar aliviado neste sábado, após terminar os treinos oficiais do GP da Hungria de F-1 com o quarto lugar. No ano passado, o piloto da Ferrari sofreu um grave acidente durante a sessão e ficou afastado das pistas pelo resto da temporada.

“Disputar e terminar os treinos aqui é uma sensação ótima,” revelou Massa, que vai dividir o grid de largada com o seu companheiro de equipe, o bicampeão espanhol Fernando Alonso.

“Sabemos que as coisas poderiam ter sido muito piores, mas enfim estamos aqui com saúde, que é o mais importante.”, finalizou. Massa fez questão de agradecer a equipe do centro médico do circuito por sua assistência no ano passado. “Quando você vê as pessoas que me tiraram do carro, é um sentimento incrível,” afirmou.

Questionado a respeito das lembranças do acidente, Massa garante não ter pensado no fato. “Pensei nisso somente quando terminei e quando vocês me perguntaram na entrevista. Aí me dei conta.” Em julho passado, uma peça da suspensão do carro de Rubens Barrichello – até então piloto da equipe Brawn – se soltou durante o treino oficial para o GP da Hungria e atingiu a cabeça de Felipe Massa. O brasileiro sofreu uma fratura logo acima do supercílio esquerdo e teve que colocar uma placa no crânio, ficando de fora do restante da temporada da principal categoria do automobilismo.

O GP da Hungria começa às 9 horas (de Brasília) e terá Sebastian Vettel como pole position, seguido de Mark Webber, Fernando Alonso e Felipe Massa. Rubens Barrichello sai em 12º lugar, enquanto Lucas di Grassi será o 21º, logo à frente de Bruno Senna, que larga em 22º.