Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Marin recebe mais de R$ 20 mil por mês de pensão

Quantia é referente ao período em que o ex-dirigente, que segue em prisão domiciliar em Nova York, foi deputado estadual e governador de São Paulo

O ex-presidente da CBF José Maria Marin segue cumprindo pena de prisão domiciliar em Nova York, mas recebe uma ajuda considerável do governo: uma pensão vitalícia do Estado de São Paulo no valor de 20.257,80 reais mensais. O benefício parlamentar é relativo à extinta carteira previdenciária dos deputados paulistas. O dirigente de 85 anos é acusado pelo FBI de ter recebido propinas em contratos da CBF.

De acordo com a Secretaria da Fazenda, responsável pelos pagamentos, Marin contribuiu com o governo do Estado por 16 anos, de 1971 a 1987, e recebe a pensão há mais de 30 anos, desde 16 de março de 1987. O valor é reajustado na mesma proporção dos deputados estaduais em atividade.

Os advogados de Marin no Brasil confirmaram que o ex-presidente recebe mensalmente a pensão parlamentar. Em 2012, recebia R$ 16.033 por mês de pensão. O ex-presidente da CBF foi deputado estadual por dois mandatos, de 1971 a 1979, e também foi governador do Estado por dez meses, entre 1982 e 1983.

Advogados garantem que o ex-dirigente pode continuar recebendo a pensão, mesmo estando à espera de julgamento. Marin está em prisão domiciliar desde 2015 e o início do seu julgamento e dos outros cartolas do futebol acusados de corrupção está marcado para novembro.

Em Nova York, o dirigente pode sair de casa até sete vezes por semana desde que permaneça dentro de um raio de até duas milhas (o equivalente a três quilômetros) do prédio onde mora e esteja acompanhado por um segurança. O Departamento de Justiça dos Estados Unidos também faz o monitoramento de Marin por meio de tornozeleira eletrônico. Cabe ao ex-dirigente pagar a manutenção de câmeras de segurança instaladas na porta de seu apartamento e em todas as saídas do prédio.

Marin é acusado de receber subornos e propinas em contratos de comercialização e direitos de marketing de torneios organizados pela Conmebol e a CBF.

(com Estadão Conteúdo)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. O vagabundo ainda recebe dinheiro roubado do povo brasileiro?
    Onde está a injustiça desse miserável país?

    Curtir

  2. Edison Antunes

    Vale a pena sim, ser bandido nesse país!!!

    Curtir

  3. Tiberio Franca

    Vagabundo, pilantra,ainda bem pela idade avançada não vai roubar por muito tempo,vai prestar contas,
    Quando morrer

    Curtir

  4. a coiza maiz idiota do mundo é dizer que está punindo alguém em casa e recebendo 20m p mes. ah vai tomar no anus

    Curtir