Líder Chelsea toma gol no fim e empata fora com Valencia

O Chelsea conseguiu transpor o paredão brasileiro chamado Diego Alves com um gol de Lampard, mas um pênalti convertido por Soldado aos 42 minutos do segundo tempo decretou o empate por 1 a 1 entre os ingleses, que lideram o Grupo E da Liga dos Campeões com quatro pontos, e o Valencia, que está em terceiro lugar, com dois.

Os espanhóis pareciam perdidos no Estádio Mestalla. Logo aos três minutos, Fernando Torres foi desarmado na hora decisiva após erro da defesa mandante. Aos cinco, o brasileiro Ramires tocou para Malouda e Rami apareceu para fazer o corte antes do chute.

Com 14 minutos, Diego Alves começou a aparecer ao defender falta cobrada por Lampard. O lance parece ter acordado a equipe da casa, mas faltou pontaria para aproveitar as oportunidades. A igualdade sem gols até era justa quando o árbitro apitou o fim do primeiro tempo, mas os Blues voltaram para o segundo tempo dominando.

Aos seis minutos, ele evitou que uma cabeçada de Torres balançasse as redes. Três minutos depois, o atacante tentou com o pé e também parou nas mãos de Diego. Aos 11 minutos, porém, ele nada pôde fazer para evitar que Lampard marcasse o primeiro gol após aproveitar cruzamento da direita com um chute rasteiro, de primeira.

Depois do gol, o jogo mudou. O Valencia pressionou e foi a vez de Peter Cech aparecer para fazer boas defesas, principalmente em tentativas de Soldado. O brasileiro Jonas entrou aos 27 minutos e participou de algumas jogadas, mas o gol teimava em não sair. Aos 40, ele bateu colocado e Cech fez ótima defesa.

No lance seguinte, porém, Kalou cometeu pênalti. Soldado, destaque do time, foi para a cobrança e não desperdiçou. A torcida festejou e o empate, pelas circunstâncias, já era considerado bom resultado, mas Diego Alves apareceu de novo nos acréscimos para fazer a melhor de suas intervenções, em finalização de Anelka.

A terceira rodada será em 19 de outubro, quando o Bayer Leverkusen recebe o Valencia e o Genk visita o Chelsea.

Ballack marca e Leverkusen vira vice-líder

Jogando em casa, o Bayer Leverkusen venceu o Genk por 2 a 0 e assumiu a vice-liderança do Grupo E, com três pontos, deixando o oponente na lanterna, com apenas um. Os gols foram marcados por Bender, aos 30 minutos do primeiro tempo, e Michael Ballack, já nos acréscimos.