Libertadores: Botafogo luta por liderança na Argentina

Com muitos desfalques, time carioca enfrenta o Estudiantes, que poderá ter a "segunda despedida" do futebol do meia (e presidente) Verón

Sem poder contar com alguns de seus principais jogadores, o Botafogo lutará nesta quinta-feira, às 21h45 (horário de Brasília), pela primeira colocação do Grupo 1 da Copa Libertadores da América na partida contra o Estudiantes, na Argentina.

O jogo pode marcar uma “segunda despedida” do futebol do meia Juan Sebastián Verón, de 42 anos, que também é presidente do clube de La Plata. No início do ano, ele anunciou que voltaria a jogar apenas a Libertadores, torneio que conquistou pelo clube em 2009. Com o time já eliminado, existe a chance de “La Brujita” entrar em campo nesta noite pela última vez na carreira.

O Botafogo divide a liderança da chave com o Barcelona, do Equador, que jogará no mesmo horário contra o Atlético Nacional de Medellín, na Colômbia. Já classificados, brasileiros e equatorianos estão empatados em pontos (dez) e saldo de gols (dois) – a vantagem do Barcelona é ter marcado um gol a mais do que o Botafogo na competição.

A equipe carioca não terá na Argentina o zagueiro Emerson Silva e o meia argentino Walter Montillo, machucados. Além deles, não vão jogar o meia Camilo, que será poupado, e o atacante Rodrigo Pimpão, autor de vários gols decisivos na campanha do Botafogo, que cumprirá suspensão.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Severino de Araújo Ferreira

    Mesmo com os desfalques o Botafogo é forte. O Time incorporou um espírito vencedor e por isso troca as peças mas o padrão é mantido.

    Curtir