Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Leão pede atenção contra a Ponte para evitar reflexos contra Santos

A experiência faz Emerson Leão tratar a semana decisiva do São Paulo com respeito. O técnico considera que o confronto de quinta-feira contra a Ponte Preta, pelas oitavas de final da Copa do Brasil, terá influência direta na motivação e espírito do time para o jogo de domingo contra o Santos, pela Copa do Brasil.

As competições apresentam diferenças no regulamento. Enquanto o confronto diante da Ponte Preta é no formato de ida e volta, a classificação contra o Santos será definida em partida única. O título da Copa do Brasil traz, na teoria, uma vantagem por garantir a vaga na Libertadores-2013, porém o Estadual tem grande tradição e está na lista de cobranças de torcedores e dirigentes.

‘Temos dois jogos contra a Ponte, só um contra o Santos. Temos de jogar com inteligência no primeiro e com tudo que temos no Campeonato Paulista. Agora, precisa tomar cuidado, não pode ficar prestando atenção só no fundo porque o desgaste de uma derrota desagradável pode refletir no próximo jogo. Temos de jogar com pés no chão, simples’, decretou o treinador.

O encontro contra o Santos já é caracterizado por alguns como a ‘final antecipada’ do Campeonato Paulista. Portanto, irá gerar grande atenção e visibilidade. Ainda assim, Emerson Leão aposta que os rivais não estarão no auge no domingo.

‘Desgaste psicológico existe, as duas equipes estarão desgastadas, o Santos joga quarta à noite na altitude da Bolívia, nós estaremos em campo um dia depois. Os dois clubes vão se desgastar, mas precisam jogar pela vitória’, reconheceu.

Leão crê, por fim, que a forma de disputa da semifinal do Campeonato Paulista proporciona um estresse extra aos atletas que deve ser trabalhado internamente com cuidado. ‘No mata, você precisa ficar focado e esperto. Um acidente já tirou duas grandes equipes. No mata-mata, se o adversário passar por você é que se caracterizou uma superioridade e não há o que reclamar’, comparou o treinador.