Leão lamenta gols perdidos, mas vê insistência são-paulina premiada

Emerson Leão terminou o jogo em Piracicaba com a sensação de que o São Paulo não precisava ter demorado tanto para definir a vitória por 1 a 0 sobre o XV, lanterna do Campeonato Paulista. Mas enalteceu a emoção e o resultado: depois de tantas chances perdidas, seu time foi premiado com o gol de Cícero aos 44 minutos do segundo tempo.

‘Foi a vitória da insistência. Foi um jogo corrido, de emoção, aberto para as duas equipe. No final, foi desagradável para o meu amigo Estevam , mas eles tomaram o gol porque fomos insistentes. O resultado privilegiou aquele que mais tentou’, apontou o treinador.

Por tanto buscar colocar a bola nas redes dos anfitriões, o comandante minimiza até o placar diante do último colocado do Campeonato Paulista. ‘Não importa por quanto possa ser, mas é importante que a vitória aconteça. Como já ganhamos, acho que 1 a 0 foi ótimo’, aprovou.

‘Quando se faz o gol no fim, a vitória torna-se mais emocionante. Vencer por 1 a 0 com gol aos cinco minutos do primeiro tempo e o time só enrolando depois não é legal. Fazendo o gol aos 42, 45 , é porque insistiu’, completou Leão.

A sensação de que a partida poderia ter sido mais tranquila, contudo, segue com o técnico. ‘A dificuldade é porque perdemos muitos gols. Poderíamos ter definido, perdemos vários gols antes de marcar’, disse Leão. ‘Mas foi uma das partidas mais difíceis de ser vencida. E foi por mérito, porque corremos atrás da vitória’, exaltou.