Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Juliana e Larissa avançam às semifinais em Pequim

Por AE

Pequim – As brasileiras Juliana e Larissa estão classificadas para as semifinais da chave feminina do Grand Slam de Pequim, o segundo da temporada 2012 do Circuito Mundial de Vôlei de Praia. Única parceria do País ainda viva no torneio, elas avançaram na China com duas vitórias nesta sexta-feira.

Nas semifinais, Juliana e Larissa jogarão contra as alemãs Holtwick e Semmler. O outro duelo por uma vaga na decisão em Pequim será entre as italianas Cicolari e Menegatti e as holandesas Keizer e Van Iersel. As vencedoras se enfrentam na decisão ainda neste sábado.

Juliana e Larissa começaram a sexta-feira com vitória sobre as australianas Natalie Cook e Hinchley por 2 sets a 0, com parciais de 21/10 e 21/18. Nas quartas de final, as brasileiras derrotaram as alemãs Goller e Ludwig também por 2 a 0, com parciais de 21/18 e 21/17.

Apesar da vantagem de 5 a 2 no confronto direto com as alemãs e das quedas precoces das brasileiras Talita e Maria Elisa, das norte-americanas Walsh e May e das chinesas Chen Xue e Zhang Xi, Juliana não crê em facilidades no sábado.

“Três duplas muito boas estão fora, mas temos outros times ótimos no torneio ainda. Na verdade, só estamos pensando no nosso time. Estamos felizes por termos jogado muito bem até agora e esperamos seguir fazendo o mesmo até o fim do torneio”, disse.

Adversárias de Juliana e Larissa nas semifinais, Holtwick e Semmler foram as responsáveis pela eliminação de Talita e Maria Elisa com a vitória nas oitavas de final por 2 sets a 0, com parciais de 21/19 e 21/13.

MASCULINO – Na chave masculina do Grand Slam de Pequim, o Brasil está com as suas quatro duplas – Benjamin/Bruno Schmidt, Alison/Emanuel, Ricardo/Pedro Cunha e Márcio/Pedro Solberg – classificadas para as oitavas de final e, portanto, na luta pelo título.

Com 100% de aproveitamento Benjamin e Bruno Schmidt garantiram a primeira colocação do Grupo Q e a passagem automática para as oitavas de final com a vitória sobre os chineses Zhou e Li por 2 sets a 0, com parciais 21/15 e 21/16. Agora, eles vão duelar com os brasileiros Alison e Emanuel.

“Fizemos bem o nosso trabalho na primeira fase. Estamos buscando o melhor do nosso time a cada jogo. Voltamos a jogar juntos depois de um ano separados e, neste primeiro momento, nosso objetivo é que cada um faça o seu melhor. O jogo contra Alison e Emanuel será ótimo para testar o nosso time, pois eles são os favoritos ao título da etapa”, avaliou Bruno Schmidt.

Alison e Emanuel perderam no Grupo N para os alemães Erdmann e Matysik por 2 sets a 0, com parciais de 21/18 e 25/23, e precisaram disputar a segunda fase. Os brasileiros superaram os holandeses Stiekema e Varenhorst por 2 sets a 0, com parciais de 21/14 e 21/17, e avançaram às oitavas de final.

“Ontem estava muito quente e hoje fez frio, foi um dia bem diferente. Mas conseguimos lidar com isso e estamos na disputa. Saber se adaptar às mudanças faz parte do vôlei de praia”, disse Emanuel.

Ricardo e Pedro Cunha chegaram às oitavas de final com campanha parecida. Pela última rodada do Grupo K, eles perderam para os holandeses Boersma e Spijkers por 2 sets a 0, com parciais de 24/22 e 21/12. Na segunda fase, eles se recuperaram com a vitória sobre os suíços Heyer e Chevallier por 2 sets a 1, com parciais de 21/18, 19/21 e 15/10. Nas oitavas de final, eles vão encarar os também holandeses Schuill e Nummerdor.

Já Márcio e Pedro Solberg sofreram a segunda derrota no Grupo O ao serem batidos pelos norte-americanos Gibb e Rosenthal por 2 sets a 0, com parciais de 21/14 e 22/20. Na segunda fase, eles sobreviveram em Pequim com a vitória sobre os tchecos Benes e Kubala por 2 sets a 0, com parciais de 21/16 e 24/22. Agora, os brasileiros vão encarar os norte-americanos Fuerbringer e Lucena nas oitavas.