Jogadores e proprietários da NBA voltarão a se reunir no sábado

O novo capítulo do impasse entre os donos das franquias e os atletas da NBA (Liga Norte-americana de Basquete) já tem data marcada: o próximo sábado.

Os jogadores, junto do sindicato que os representa, se reuniram nesta quinta, em Nova York, para decidir os passos que serão dados durante as negociações. Caso o locaute continue, o comissário da Liga, David Stern, deverá cancelar ainda mais jogos – o mês de novembro já foi suspenso anteriormente.

O imbróglio (relacionado ao teto salarial e ao repasse do faturamento aos atletas) iniciou em julho e obteve alguns avanços até aqui. No entanto, o último encontro não terminou bem. Billy Hunter, diretor-executivo do sindicato, levantou-se da mesa com cara de poucos amigos ao ouvir a proposta de 50% para ambas as partes.

Os atletas, que recebiam uma fatia de 57% até a temporada passada, exigem, no mínimo, 53%. Enquanto isso, os mandachuvas insistem na divisão igualitária (50% e 50%).