Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Isinbayeva quer disputar Rio-2016 depois de ser mãe

Russa deu uma pausa na carreira em agosto de 2013 para engravidar

Afastada das competições desde o Campeonato Mundial de Atletismo, em agosto de 2013, em Moscou, a russa Yelena Isinbayeva voltará às pistas após dar à luz a seu primeiro filho, em meados de junho, para poder disputar os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016. A informação foi dada por Yevgeny Trofimov, treinador da russa. “Dentro de aproximadamente um mês, Yelena será mãe. Agora, prepara-se para esse grande momento. Ela está bem, muito feliz”, disse Trofimov.

Leia também:

Em casa, Isinbayeva é campeã antes de pausa na carreira

Isinbayeva defende lei antigay russa: ‘�Somos normais’

Isinbayeva nega preconceito contra os gays: ‘Fui mal interpretada’

O treinador da russa também afirmou que ela está capacitada a superar a marca de seu recorde atual, de 5,06 metros, de agosto de 2009, em Zurique. Isinbayeva ainda não tem data certa para retomar aos treinos nem para às competições, mas já sabe onde fará sua preparação. “Em Volgogrado (Rússia) temos condições muito boas para o treino em qualquer momento do ano. Dispomos de um pavilhão coberto e de toda a infraestrutura necessária”, disse Trofimov.

Acompanhe VEJA Esporte no Facebook

Siga VEJA Esporte noTwitter

Yelena Isinbayeva, de 31 anos, é bicampeã olímpica no salto com vara (ouro em Pequim-2008 e em Atenas-2004), e bronze em Londres-2012. Em Campeonatos Mundiais, tem sete medalhas de ouro, uma de prata e outra de bronze. Além disso, Isinbayeva tem 28 recordes mundiais e saltos acima dos 5 metros.

(Com agências Gazeta Press e EFE)