Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Gravação obtida por emissora francesa compromete Benzema em caso de chantagem

Atacante do Real Madrid avisou ao companheiro Valbuena, a vítima no caso de extorsão, que um amigo de infância poderia ajudá-lo a destruir o vídeo erótico

As suspeitas de envolvimento direto do atacante Karim Benzema no esquema de chantagem contra o companheiro de seleção francesa Mathieu Valbuena cresceram nesta terça-feira com a divulgação de uma conversa telefônica do atacante do Real Madrid. A emissora francesa Europe 1 teve acesso à transcrição de conversas entre Benzema e um amigo de infância, nas quais o jogador revela como tentou convencer Valbuena a pagar 150.000 euros para que um vídeo seu, de conteúdo sexual, não fosse divulgado.

Segundo a Europe 1, as chamadas de Benzema foram feitas em 6 de outubro, direto da concentração da seleção francesa, e gravadas pelos investigadores. O amigo de infância do atacante, que não teve seu nome identificado, seria o responsável por intermediar o pagamento aos chantagistas. Benzema, então, contou ao amigo o teor da conversa que teve com Valbuena na concentração, horas antes.

Leia também:

Suspeito de chantagem, Benzema volta a treinar e recebe apoio do Real Madrid

Detido, Benzema admite envolvimento em chantagem com vídeo erótico

“Disse a ele: ‘Pode fazer o que quiser. Não quer pagar? Tudo bem, faça o que quiser da vida, mas eu te avisei”. Segundo a publicação, Benzema e o amigo riam durante a conversa e o jogador do Real Madrid disse que, a princípio, Valbuena acreditou se tratar de uma brincadeira. “Acho que ele não está levando a sério”, disse Benzema em um dos trechos da conversa.

Benzema seguiu contando o que conversou com Valbuena, que atualmente defende o Lyon. “Eu disse a ele: ‘Se quer que o vídeo seja destruído, meu amigo irá te encontrar em Lyon. Eu arrumo tudo para você. Você tem que ver esse cara, te dou minha palavra de que não há mais cópias do vídeo'”. Benzema contou que Valbuena teria começado a se preocupar a partir deste momento.

“Ele perguntou se dava pra ver suas tatuagens no vídeo. Disse que dava pra ver tudo”, afirmou Benzema ao amigo, completando que havia visto a gravação de conteúdo sexual duas semanas antes do papo. Benzema contou que companheiro de seleção ficou em pânico neste momento e encerrou a conversa com uma brincadeira irônica. “Nós só estamos aqui para ajudar. Se ele não quer, não podemos fazer nada, ele que se resolva com as piranhas. No fim, talvez lhe peçam apenas um par de entradas para as partidas, sei lá.”

Após a divulgação da transcrição, o advogado de Benzema, Sylvain Cormier, anunciou que irá processar a Europe 1 porque, segundo ele, o conteúdo está sob segredo de Justiça. Ele disse ainda que a emissora retirou das conversas apenas trechos que poderiam ser mal interpretados. Como se recupera de lesão, Benzema não foi convocado para a seleção francesa e curte folga em seu país nesta semana. O ex-jogador Djibril Cissé, também foi investigado por participação no caso e chegou a ser detido, mas foi liberado após prestar esclarecimentos.

(da redação)