Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Grandes de SP vencem amistosos internacionais

Palmeiras bateu o Libertad e foi à final de torneio no Uruguai. São Paulo venceu o Cerro Porteño, no Paraguai, e o Corinthians superou time ucraniano nos EUA

Os três clubes grandes da capital paulista aproveitaram bem os amistosos de pré-temporada da noite desta quarta-feira. No Uruguai, os estreantes do Palmeiras mostraram serviço e o time brasileiro venceu o Libertad, do Paraguai. Em Assunção, o São Paulo também estreou com vitória em 2016: 1 a 0 sobre o Cerro Porteño, no primeiro jogo do técnico Edgardo Bauza. E, nos Estados Unidos, o Corinthians se recuperou na Florida Cup e bateu o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, por 3 a 2.

O jogo do Palmeiras, válido pela semifinal da Copa Antel, no Estádio Centenário, em Montevidéu, foi morno – natural para uma estreia de temporada. Mas o clube alviverde conseguiu a vitória com dois gols no final da partida. Aos 36 minutos, o argentino Allione recebeu ótima assistência do estreante Erik, ex-Goiás, e tocou para o gol. E, aos 45 minutos, o meia Moisés marcou, de cabeça, após cruzamento de Zé Roberto, o seu primeiro gol pelo clube.

Com o resultado, o Palmeiras se classificou para disputar, no sábado, a final do torneio amistoso diante do Nacional, do Uruguai. Os dois clubes estão no mesmo grupo na Copa Libertadores e usarão a partida como um ótimo teste para a competição continental.

Leia também:

‘A China nos ferrou’, desabafa Tite após estreia com derrota

Para não perder a Libertadores, Globo entra na Justiça contra Conmebol

Caixa anuncia patrocínio a Atlético-MG e Cruzeiro por metade do valor pago ao Flamengo

Equipe do São Paulo que estreou na temporada de 2016 diante do Cerro Porteño

Equipe do São Paulo que estreou na temporada de 2016 diante do Cerro Porteño (VEJA)

Em Assunção, o São Paulo venceu o Cerro em partida que fazia parte do acordo pela venda de Diego Lugano para o São Paulo. O zagueiro uruguaio ainda não está em condições de jogo e, por isso, não enfrentou sua ex-equipe. O time agora dirigido pelo argentino Edgardo Bauza chegou à vitória graças a um belo chute de fora da área de Thiago Mendes, no início da segunda etapa.

O São Paulo entrou em campo no esquema 4-2-3-1. O goleiro Denis teve pouco trabalho, mas o setor ofensivo não brilhou. O único atacante, Alan Kardec, esteve muito marcado e os alas Centurión e Michel Bastos apareceram pouco. O mais positivo para Bauza foi ver que o São Paulo demonstrou no amistoso um estilo de atuar diferente: é um time mais paciente e de menos velocidade que o da temporada passada. A estreia oficial do clube será contra o Red Bull Brasil, no próximo dia 31, em Campinas, pelo Campeonato Paulista.

Paraguaio Ángel Romero, destaque do Corinthians na vitória sobre o Shakhtar

Paraguaio Ángel Romero, destaque do Corinthians na vitória sobre o Shakhtar (VEJA)

Em Orlando, o Corinthians deixou boa impressão, mesmo com a saída de cinco titulares. O destaque da vitória desta quarta-feira foi Ángel Romero. O paraguaio marcou dois gols e mostrou que pode ser uma boa opção para o ataque. O veterano Danilo também esteve bem. Além do primeiro gol, o meia de 36 anos distribuiu bons passes e teve fôlego para jogar 90 minutos.

Os gols do Shakhtar foram marcados pelo brasileiro Taison, logo no início do jogo, e por Kovalenko, já na segunda etapa. Dentinho ainda teve uma ótima chance no final da partida para o time ucraniano, mas chutou para fora dentro de dentro da pequena área. Após o jogo, o atacante disse que foi bastante estranho enfrentar seu clube do coração. O Corinthians encerra a sua excursão pelos Estados Unidos neste sábado, quando enfrenta o Fort Lauderdale Strikers, que tem Ronaldo como um dos sócios, em Fort Lauderdale.

(da redação)