Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Força defensiva do Corinthians vira preocupação para vascaínos

Fora das finais do Campeonato Carioca, o Vasco está focado apenas nas partidas contra o Corinthians pelas quartas de final da Copa Libertadores. O primeiro duelo será em São Januário, no Rio de Janeiro (RJ), enquanto que o segundo confronto vai acontecer no Pacaembu, em São Paulo (SP).

Ciente de que estará diante de um dos favoritos ao título, o elenco vascaíno tem uma preocupação em especial: a defesa do Timão, a melhor da competição e que tem se tornado um obstáculo complicado de ser superado.

‘Como todo confronto com brasileiros, a nossa expectativa é a de um duelo muito equilibrado e logicamente que a defesa do Corinthians é um obstáculo a ser superado, pois tem conseguido um excelente aproveitamento. Mas o time deles todo é bom e não podemos também vacilar diante dos meias e dos atacantes. Trata-se de um time equilibrado em seus setores e que merece nosso respeito. Mas temos as nossas qualidades e vamos trabalhar para que elas possam sobressair e nos conseguir ajudar na luta pela classificação’, disse o técnico Cristóvão Borges.

O Corinthians disputou oito jogos na Copa Libertadores deste ano e sofreu apenas dois gols, ambos fora de casa. Com a experiência de quem já defendeu as cores do Alvinegro paulista, o volante Nilton é outro a esperar muitos problemas contra o Timão.

‘Nós vamos enfrentar um time que tem números significativos nesta Copa Libertadores, pois sofreu poucos gols e conseguiu fazer muitos. O Corinthians é uma força do torneio e com certeza as nossas dificuldades serão enormes. Quem ganhar este duelo vai sair muito fortalecido na luta pelo título. Respeitamos nosso adversário, mas temos condições de ganhar’, acrescentou.

O elenco do Vasco se reapresentou nesta sexta-feira para um trabalho regenerativo. Neste sábado, começa a preparação para os choques contra o Corinthians pela Copa Libertadores. O meia Carlos Alberto, que deixou a vitória sobre o Lanús nos pênaltis reclamando de um incômodo na coxa esquerda, se submeteu a um exame mais detalhado nesta sexta-feira e os resultados serão divulgados até a próxima segunda.

Porém, o departamento médico do Vasco não encara a situação do atleta como preocupante e ele não deve ser problema para enfrentar o Timão. ‘O atleta participou até o fim do jogo e isso deixa claro que não se trata de uma lesão de maior gravidade’, afirmou Alexandre Campello, médico do Vasco que está cuidando do caso.