Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Fluminense com sinal de alerta ligado contra o Coritiba

O Coritiba derrotou o Grêmio por 2 a 0 no fim de semana, chegou aos 40 pontos e passou a sonhar com uma vaga na próxima Copa Libertadores. O fato ligou o sinal de alerta no Fluminense, rival do Coxa em confronto programado para esta quinta-feira, às 20h30 (Brasília), no Estádio Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ), e válido pela 19rodada do Campeonato Brasileiro. O Tricolor carioca precisa de um resultado positivo para voltar a se credenciar na luta pelo título, já que a derrota de 3 a 2 para o Flamengo o fez estacionar nos 44 pontos.

‘Estamos esperando um jogo muito complicado diante do Coritiba, pois o nosso adversário tem um elenco de muita qualidade, um time que tem no coletivo a sua força e está muito bem montado. Vamos enfrentar talvez até mais dificuldades do que as vistas no clássico contra o Flamengo. Não podemos facilitar de maneira alguma, pois ainda queremos lutar pelo título’, afirmou o técnico Abel Braga.

O meia Marquinho compartilha essa opinão. Ele acredita que o Fluminense tem a obrigação de vencer porque perdeu a rodada anterior para o Flamengo. ‘Não podemos passar duas rodadas sem somar pontos e isso fez com que o duelo contra o Coritiba ganhasse ainda mais importância. Espero muitos problemas porque não vamos enfrentar qualquer adversário. O Coritiba tem um time que joga junto há muito tempo e que está bem armado pela sua comissão técnica. Mas cabe ao Fluminense tentar se impor desde os primeiros minutos e tirar proveito do fato de estar jogando com o apoio dos seus torcedores’, analisou.

Na visão do meia argentino Lanzini, o Coritiba merece respeito por tudo o que apresentou na temporada. ‘É um time que precisa ser respeitado. Foi campeão em seu estado com muita autoridade, ficou com o vice na Copa do Brasil e vem fazendo uma grande recuperação no Campeonato Brasileiro. Além disso, está motivado porque venceu o último jogo e pretende disputar a próxima Copa Libertadores. Teremos muitos problemas, mas precisamos do resultado positivo’, declarou o argentino.

Se não bastasse a necessidade de vencer, o Fluminense terá desfalques importantes nesta quinta-feira. A dupla de zaga, por exemplo, será toda reserva. Isso porque Gum, com lesão na coxa direita, não deverá mais atuar no Campeonato Brasileiro, enquanto que Leandro Euzébio terá que cumprir suspensão por conta do terceiro cartão amarelo recebido contra o Flamengo. Digão e Márcio Rosário vão compor o setor. Outro que fica de fora é o meia Souza, que entrou no segundo tempo do clássico e acabou expulso.

No ataque, Abel Braga tem dúvidas. Rafael Sobis deixou o Fla-Flu com dores na coxa direita e será reavaliado, enquanto que Fred está servindo à Seleção Brasileira em amistosos internacionais e deverá retornar ao Brasil apenas nesta quarta-feira. A comissão técnica vai analisar o estado físico do jogador antes de definir a sua escalação. Caso eles não joguem o setor deverá ser composto por Martinuccio e Rafael Moura. Nesta quarta-feira o grupo participa de um recreativo à tarde e depois começa o período de concentração.

Disposto a aumentar o público nesta reta final do Campeonato Brasileiro e contar com o apoio dos torcedores, a diretoria do Fluminense decidiu reduzir o preço dos ingressos. Para o jogo diante do Coritiba os tricolores pagarão R$ 10 por uma entrada de arquibancada Norte ou Sul, R$ 20 para acompanhar a partida na Leste Inferior e R$ 30 na Leste Superior. Os participantes do Programa Guerreiro Tricolor, plano de fidelidade do clube, ainda serão premiados com o benefício de levar um acompanhante sem custo.

‘Queremos que o torcedor participe desse momento importante do time no Campeonato Brasileiro. É a chance de mostrarmos aquele poder de reação que já foi visto tantas vezes e as promoções ajudam’, afirmou Idel Halfen, vice-presidente de marketing do Fluminense.