Felipão aponta cansaço como motivo da saída de Barcos

O atacante Hernán Barcos caiu nas graças da torcida do Palmeiras, mas passou em branco neste domingo e acabou substituído no segundo tempo por Ricardo Bueno. O técnico Luiz Felipe Scolari explicou que o argentino cansou na etapa final.

‘Este foi o motivo principal da substituição dele no jogo de hoje (domingo). Nos outros, eu notava que até os 30 minutos ele ainda tinha gás para dar uma segurada de bola e driblar. Hoje, achamos que ele estava um pouco mais cansado que nos outros dias e, por isso, nós o substituímos’, afirmou.

Barcos deixou o jogo aos 35 minutos da etapa final para a entrada de Ricardo Bueno. Durante o período em que esteve em campo, o argentino teve boas chances de balançar as redes, mas não obteve êxito.

Logo no início da partida, o jogador fez jogada individual e arrematou para fora. Ainda no primeiro tempo, depois de rebote em cobrança de falta de Daniel Carvalho, o atacante apareceu livre na pequena área e finalizou, mas Luiz defendeu. Já depois do intervalo, Barcos chutou por cima ao receber assistência de Valdivia.

Mas as falhas nas finalizações diante do São Caetano não apagam o retrospecto do argentino com a camisa do Palmeiras. Até o momento, o atacante contabiliza cinco gols em sete partidas pelo Verdão.