Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Federer chega à semifinal de Wimbledon com virada espetacular

Em busca de seu 18º título de Grand Slam, suíço salvou três 'match points' para eliminar o croata Marin Cilic por 3 sets a 2, em mais de três horas de partida

Com enorme sofrimento, Roger Federer manteve as chances de conquistar seu oitavo título de Wimbledon. Nesta quarta-feira, o tenista suíço teve que salvar três match points para bater, de virada, o croata Marin Cilic, por 3 sets a 2, com parciais de 6-7, 4-6, 6-3, 7-6 e 6-3, em 3 horas e 17 minutos de partida, válida pelas quartas de final do Grand Slam de Londres.

Com a surpreendente eliminação de Novak Djokovic na terceira rodada, Federer viu crescer sua chance de finalmente conquistar o 18º título de Grand Slam de sua carreira – feito que persegue há quatro anos – e superar o americano Pete Sampras como único octacampeão do torneio. O número 3 do mundo, no entanto, esteve bem perto de se despedir da grama do All England Club nesta quarta.

Leia também:

Serena Williams chega à semifinal de Wimbledon

Em imagens, o vestido da discórdia em Wimbledon

Djokovic é eliminado em Wimbledon

Cilic, 13º do ranking da ATP, ficou a um ponto da vitória em três oportunidades no quarto set, mas Federer sobreviveu com três ótimos saques – justamente a principal arma do croata. Federer terminou a partida com 27 aces, contra 23 de Cilic. O croata também pagou caro pelo excesso de erros não forçados (36 a 24).

Na semifinal, Federer enfrentará outro grande sacador, o canadense Milos Raonic, que derrotou o americano Sam Querrey – o mesmo que eliminou Thomaz Bellucci e Novak Djokovic – por 3 sets a 1, com parciais de 6/4, 7/5, 5/7 e 6/4.

(da redação)