Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Éverton cobra ajuda dos meias aos marcadores do Ceará

Terceira pior defesa da Série B com 13 gols sofridos, o Ceará pode deixar a zona de rebaixamento se vencer o Atlético-PR neste sábado. Para o volante Éverton, um dos responsáveis pela proteção à defesa cearense, um resultado positivo na partida passa pela colaboração dos jogadores mais ofensivos na hora em que o adversário tiver a posse de bola.

‘É necessário que os meias ajudem na marcação, tanto o Rogerinho como o Robston, porque facilita nosso trabalho ali atrás. Na semana, nos treinamentos, eles se conscientizaram a atuar dessa forma, para que possa ajudar o time. Então, acho que a gente vai pra esse jogo conscientizados do que teremos que fazer, o que eu considero muito importante’, afirmou.

Para o atleta, e também para o treinador PC Gusmão, se a função for exercida pelos jogadores de frente, as defesa ficará menos sobrecarregada.

Sobre o adversário, Evérton vê um time bom, mas acredita em vitória do Ceará.

‘O Atlético-PR tem uma equipe de tradição, muito boa, como todo mundo sabe. Jogando dentro de casa, temos que ter muito cuidado com os grandes jogadores do time deles. Mas, fazendo a nossa parte, colocando em prática o que trabalhamos na semana, teremos grandes chances de sair com o resultado positivo’, opinou.

O companheiro de marcação no meio-campo, Jardel, também crê na vitória do alvinegro cearense.

‘Os times estão começando a mostrar a sua cara no campeonato e o Ceará está nesta fase. Estamos há dois jogos sem derrota e a equipe vai melhorar a cada jogo, fazendo com que o Ceará suba na tabela’, disse.

Ceará e Atlético-PR se enfrentam no sábado, às 16h20 (de Brasília), no Presidente Vargas, no complemento da sétima rodada da Série B. Os cearenses tem apenas cinco pontos, na décima sétima posição, enquanto os paranaense estão em décimo segundo, com sete pontos.