Djokovic bate Murray e é campeão no Aberto da Austrália

Foi seu terceiro título seguido em Melbourne - ele também venceu em 2008

Em partida que durou 3h40min, o sérvio número um do mundo, Novak Djokovic, garantiu neste domingo o seu terceiro titulo consecutivo no Aberto da Austrália – também venceu em 2008 -, ao derrotar o escocês Andy Murray por 3 sets a 1, com parciais de 6/7 (2-7), 7/6 (7-3), 6/3 e 6/2, em Melbourne. Djokovic levou para casa um prêmio de 2,55 milhões de dólares (quase 5,3 milhões de reais), o maior já oferecido na história do tênis.

Djokovic se igualou agora ao americano Andre Agassi e ao suíço Roger Federer, todos com quatro conquistas na Austrália.

Acompanhe VEJA Esportes no Facebook

Siga VEJA Esportes no Twitter