Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Di Matteo divide méritos com Villas-Boas no Chelsea

Por AE

Munique – Antes de disputar a final da Liga dos Campeões da Europa, neste sábado, contra o Bayern de Munique, na Alemanha, o técnico do Chelsea tratou de dividir os méritos da campanha vitoriosa com seu antecessor no cargo. O italiano Roberto Di Matteo assumiu o comando interino da equipe inglesa em março, após a demissão do português André Villas-Boas, e conseguiu chegar à decisão da competição continental.

“Tenho que dar o crédito para André também e, se ganharmos, vamos dividir a vitória com ele”, afirmou Di Matteo, durante a entrevista coletiva nesta sexta-feira, em Munique. “André montou a base para isso”, completou o treinador italiano do Chelsea, que ainda não sabe se irá continuar no clube na próxima temporada. “Meu futuro agora não importa. Estou concentrado somente na final.”

A mudança de técnico foi decisiva para o Chelsea chegar à final da Liga dos Campeões. Sob o comando de Villas-Boas, vinha fazendo uma temporada irregular, com muitos problemas dentro e fora de campo. Auxiliar do português, Di Matteo assumiu o cargo em março e, mesmo sendo um interino, conseguiu transformar a equipe inglesa, levando-a até a decisão deste sábado contra o Bayern de Munique.

Na decisão, Di Matteo reconheceu um “leve favoritismo” do rival alemão, por atuar em seu estádio – Munique foi escolhida como sede da final antes do campeonato começar. Mas ele também mostrou muita confiança no Chelsea. “Temos excelentes jogadores na nossa equipe e acho que temos quase a mesma chance do Bayern. Acredito que nossos jogadores têm tudo o que é preciso para vencer”, afirmou.