Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Daniel Alves detona preparação da seleção para a Copa de 2014

Lateral da seleção brasileira também disse ser são-paulino e causou polêmica ao falar sobre Dybala, seu companheiro de Juventus

O lateral Daniel Alves concedeu uma reveladora entrevista ao canal Esporte Interativo nesta quinta-feira, na qual falou abertamente sobre Lionel Messi, Cristiano Ronaldo, Diego Maradona, entre vários assuntos. Ao relembrar o 7 a 1 de três anos atrás contra a Alemanha, o jogador da seleção brasileira disse que o time era o mais mal preparado para a Copa de 2014.

O lateral da Juventus criticou especialmente os fatos ocorridos na Granja Comary, o centro de treinamento da seleção, na fria Teresópolis. “A gente não se preparou para a Copa. A pior logística era a nossa. Treinávamos no frio e íamos jogar no calor, um mau planejamento. Depois, abria o treino para aproximar a torcida da gente, mas quando jogávamos o povo estava distante, porque não dávamos o resultado que ele esperava. Às vezes é melhor se blindar para fazer um grande trabalho e se conectar com as pessoas com ações dentro de campo.”

Em discurso semelhante ao dos atletas de 2006, após a Copa na Alemanha, Daniel Alves criticou o livre acesso de jornalistas aos treinamentos. “Sinceramente, teve treino que eu tive que driblar repórter, de tão perto que ele estava do campo. Nas outras seleções a imprensa não tem acesso, são só 15 minutos, isso é respeito à nossa profissão, algo que no Brasil não existe. (…) Se a gente não trabalhar bem, não vai dar resultado.”

Veja também

São Paulo e Dybala

O jogador baiano reafirmou ser torcedor do São Paulo e disse que gostaria de atuar pelo clube paulista no futuro. “Na TV de casa só passava jogo de time bom, ou era São Paulo ou Flamengo. Nasci em 1983 e vi o São Paulo do Telê (Santana). Desde pequeno cresci campeão…não sou bobo”, divertiu-se.

“Eu não falei que queria jogar no Flamengo, eu disse da minha admiração pelo Flamengo e pelo que passa no Flamengo. Mas eu sou são-paulino, eu tinha falado que eu ia jogar no São Paulo e encerrar minha carreira no Bahia, mas não sei se vai dar tempo.” Ele ainda riu das provocações dos rivais ao time tricolor. “Sou bambi macho.”

Durante a entrevista, Daniel Alves deu uma declaração que está causando controvérsia na Itália: segundo ele, o argentino Paulo Dybala, seu companheiro na Juventus, deveria deixar o clube de Turim no futuro. “Dybala é uma joia, um diamante, vai dar muitos frutos. Eu falei para ele que, um dia, ele deveria sair da Juventus para melhorar ainda mais o que ele é.”

Juventus chega à final da Liga dos Campeões

Gonzalo Higuain, Daniel Alves e Paulo Dybala celebram vitória da Juventus (Alberto Lingria/Reuters)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. mimimimimi

    Curtir

  2. Se estava incomodado com os treinos deveria ter reclamado com a comissão técnica…

    Curtir

  3. Só fala abobrinha.

    Curtir

  4. Quem fala de um treinador, fala de outros também, que o Titi fique esperto com esse boca lata.. acorda Brasil

    Curtir

  5. Alysson Djapa

    Jogador as vezes tem que permanecer calado,p seguir,infelizmente é assim,não é coisa de mimimi,muitos jogadores foram Cortados da seleção por falar demais,por ser brigão.

    Curtir