Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Corintianos fazem conta a fim de ganhar taça sem pegar Palmeiras

O perde-ganha e a alternância de posições na tabela do Campeonato Brasileiro preocupa os jogadores do Corinthians. De volta à liderança depois de ter vencido no final de semana, a equipe alvinegra faz contas para garantir o título matematicamente antes da última rodada, em que terá pela frente o arquirrival Palmeiras.

‘Espero que a gente consiga definir antes, porque clássico é sempre mais difícil de jogar’, disse o zagueiro Leandro Castán, ao lembrar, no entanto, que na mesma rodada o atual vice-líder Vasco duelará com o agora quarto colocado Flamengo, e o terceiro colocado São Paulo terá que encarar o Santos, campeão da Copa Libertadores. ‘Tem tudo para ser emocionante, com as equipes brigando pelo título. Foi muito legal ter desse jeito o calendário. No ano passado, o final perdeu um pouco a graça’.

‘Estamos um ponto na frente do Vasco (51 contra 50) e quatro de Flamengo e São Paulo (ambos com 47). Todos muito próximos. Tomara que não, mas deve ser decidido no finalzinho, na última rodada’, acredita o meia Alex, outro do grupo ainda a não ter no currículo um título brasileiro.

A fim de tentar evitar uma pedreira no jogo derradeiro, o Corinthians tem projeção feita para as nove rodadas que antecederão o clássico. À exceção do duelo desta quarta-feira, contra o Botafogo, no Pacaembu, os demais compromissos do time comandado pelo técnico Tite serão contra equipes que lutam contra a segunda divisão. Na opinião do volante Paulinho, porém, esses compromissos serão igualmente difíceis, pois os adversários se encontram desesperados.

‘O Tite sempre nos orienta sobre nossos adversários, sobre a nossa sequência de jogos. As pessoas olham dessa forma, que é mais fácil enfrentar adversários que estão brigando para não cair. Mas esses times têm que sair da situação complicada em que estão também’, concluiu.