Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Copa de 2018: Rússia vai usar 12 estádios em 11 cidades

Dirigente garantiu que algumas das arenas estarão prontas antes mesmo de 2014

O secretário-geral da Fifa foi questionado sobre problemas específicos dos organizadores russos. “Honestamente falando, estamos mais preocupados com o Brasil”, disse ele

A Copa do Mundo de 2018 será disputada em doze estádios em onze cidades da Rússia, disse o chefe do comitê organizador local, Vitaly Mutko, nesta terça-feira. Ele revelou que o anúncio das cidades-sede foi antecipado em vários meses, para outubro de 2012, para dar mais tempo na preparação para o torneio com 32 seleções.

“Depois que a região no entorno de Moscou desistiu no mês passado, ainda temos 13 cidades candidatas e um total de 15 estádios”, disse Mutko, que também é membro do conselho executivo da Fifa, a repórteres após uma reunião conjunta de funcionários do comitê organizador local e da Fifa. Vitaly Mutko disse que as cidades maiores não serão beneficiadas na escolha. “Nenhuma cidade está garantida na Copa do Mundo se não estiver pronta. Tudo deve ser de primeira classe: estádio, aeroporto, hotéis, estradas, toda a infraestrutura.” O secretário-geral da Fifa, Jèrôme Valcke, foi questionado sobre problemas específicos dos organizadores russos. “Honestamente falando, estamos mais preocupados com o Brasil, sede da Copa de 2014, no momento”, disse. Os russos estão construindo onze das doze arenas da Copa do Mundo a partir do zero, mas Mutko disse que vários estádios devem estar prontos em um ano ou dois. “São Petersburgo deve ter um novo estádio de 69.000 lugares até o final de 2012, enquanto Kazan irá inaugurar sua arena de 45.000 lugares no início de 2013”, disse ele. (Com agência Reuters)