Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Com erro pelo Real na memória, Sergio Ramos garante: ‘Não tive medo de nada’

Donetsk (Ucrânia), 27 jun (EFE).- Um dos vilões da eliminação do Real Madrid nas semifinais da última Liga dos Campeões por ter falhado em sua cobrança na disputa de pênaltis contra o Bayern de Munique, o zagueiro espanhol Sergio Ramos esteve perto de repetir o ‘feito’ nesta quarta-feira, na semifinal da Eurocopa, contra Portugal.

O jogador perdeu a primeira tentativa da Espanha no duelo com os portugueses, mas contou com a sorte e a ajuda do goleiro Iker Casillas para não voltar a ser derrotado nas penalidades.

Mesmo com o erro contra o Bayern ainda recente e presente na memória, Sergio Ramos garantiu que não teve medo para voltar a cobrar um pênalti importante.

‘Não tive medo de nada. Já tinha vontade de vencer desde o que aconteceu com minha equipe nas semifinais da Liga dos Campeões, porque sempre tive confiança’, declarou o defensor ao canal espanhol ‘TeleCinco’.

Sergio Ramos exaltou o espíritio de grupo do elenco comandado pelo técnico Vicente del Bosque e considerou que a ‘Fúria’ fez por merecer a vaga na final, a terceira seguida em competições importantes, depois dos títulos da Euro-2008 e da Copa do Mundo de 2010.

‘Estou muito contente de chegar à final e orgulhoso de ser espanhol, porque acho que a seleção mereceu’, resumiu o jogador do Real Madrid, que afirmou não ter preferência quanto ao adversário da decisão. A outra semifinal, entre Itália e Alemanha, será disputada nesta quinta-feira, em Varsóvia. EFE