Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Clássicos em SP terão torcida única até o fim de 2016

Medida da Secretaria Pública de São Paulo busca evitar confrontos como o que deixou um morto no domingo, antes da partida entre Palmeiras e Corinthians no Pacaembu

Depois de confrontos entre torcedores do Palmeiras e do Corinthians deixarem um morto e dezenas de feridos antes da partida entre as duas equipes no domingo, a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo decidiu que todos os clássicos paulistas terão torcida única até o final de 2016.

A medida foi anunciada nesta segunda-feira e também inclui a proibição de todas as torcidas organizadas de levar faixas, instrumentos ou qualquer outro adereço com identificação do grupo.

LEIA TAMBÉM:

Clássico em SP é marcado por morte e violência

“Essa determinação [torcida única] vale até o fim do ano. Depois vamos analisar em conjunto essa questão”, afirmou o secretário de Segurança Pública, Alexandre Morais.

O secretário também anunciou a identificação e banimento dos torcedores envolvidos nos conflitos. “Devemos terminar amanhã (terça-feira) a identificação de mais de 50 torcedores graças às imagens colhidas no Metrô. Além das medidas penais, os torcedores serão banidos dos estádios.

Vítima – As brigas entre palmeirenses e corintianos no domingo aconteceram em diversas partes da Grande São Paulo, antes e depois do clássico no Pacaembu. No confronto mais grave, um homem que não estava envolvido na briga morreu ao ser atingido por um tiro no peito perto da estação São Miguel Paulista, da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), na zona leste de São Paulo. A vítima estava sem documentos e ainda não foi identificada.

(Com Estadão Conteúdo)