Chael Sonnen é pego em antidoping e não luta contra Belfort

Lutador americano testou positivo para duas substâncias proibidas em Nevada

A Comissão Atlética de Nevada confirmou à ESPN americana nesta terça-feira que Chael Sonnen foi reprovado em um exame antidoping surpresa realizado no mês passado e não vai enfrentar o brasileiro Vitor Belfort em Las Vegas, em combate marcado para 5 de julho. De acordo com Francisco Aguilar, presidente da comissão, o americano foi flagrado com anastrozol (usado no tratamento de câncer de mama feminino) e clomifeno (utilizado no tratamento da infertilidade feminina), substâncias proibidas, e o UFC já sabe do ocorrido.

Leia também:

UFC corta Wanderlei e Belfort lutará contra Sonnen

São Paulo: Miocic destroi Maldonado em menos de 40 segundos

UFC anuncia Jon Jones x Gustafsson para 27 de setembro

Revanche entre Aldo e Mendes será em Los Angeles

Sonnen lutaria contra Wanderlei Silva no UFC 175 – os dois foram técnicos do The Ultimate Fighter Brasil 3 -, mas o brasileiro faltou aos exames que deveria realizar, foi cortado da luta e substituído por Vitor Belfort. Belfort tem exames marcados na Comissão Atlética de Nevada no dia 17 de junho. O UFC ainda não anunciou o substituto de Sonnen no combate.

Esta é a segunda vez que o lutador americano, que se destacou no UFC pelas provocações contra os rivais, é flagrado em um antidoping. Em 2010, um exame indicou índices elevados de testosterona em Sonnen após a derrota na luta contra Anderson Silva.