Católica aceita receber jogador para liberar Cañete ao São Paulo

‘Estamos conversando. Não tem nada concreto, mas há uma possibilidade de que se realize (o negócio). Existe essa chance (de o Gracián ser envolvido)’, afirmou o gerente esportivo da Católica, José María Buljubasich, na noite de quinta, em entrevista à Gazeta Esportiva.Net.

O São Paulo ofereceu cerca de US$ 3 milhões (R$ 4,6 milhões) para contratar Cañete, valor que agradou o Boca. Para a transferência ser oficializada, a equipe chilena pede uma quantia em dinheiro e mais o empréstimo de um jogador do Boca: Leandro Gracián ou Damian Díaz.

O primeiro deles é o que está mais perto de ser envolvido na transação, já que Díaz deve continuar emprestado ao Cólon. Com isso, Cañete pode chegar em breve para acertar com o Tricolor.