Cantona, ‘falso’ candidato à eleição presidencial da França

O ex-atacante francês Eric Cantona entrou no debate da eleição presidencial da França, com o objetivo de alertar o país sobre os problemas de moradia enfrentados por seus conterrâneos mais humildes, revela nesta terça-feira o jornal Libération.

O diário publicou uma carta que Cantona escreveu aos prefeitos da França no dia 4 de janeiro para solicitar as 500 assinaturas necessárias para se candidatar, embora não tenha, a princípio, a intenção de entrar na disputa, mas sim defender suas ideias.

Aos 45 anos, o ex-astro do Manchester United, envolvido com a Fundação Abbé-Pierre, associação francesa que se dedica a proporcionar alojamento aos sem-teto, se disse “obrigado a tomar da palavra, com mais gravidade do que de costume e com plena consciência da minha responsabilidade, na hora em que o país se prepara para eleições difíceis e determinantes para seu futuro”.

Conhecido pela sua franqueza e pelo caráter imprevisível, o ‘bad boy’ do futebol iniciou uma carreira de ator quando pendurou as chuteiras em 1997 e sempre fez questão de opinar sobre problemas de sociedade.

No fim do ano de 2010, causou um grande impacto na Internet quando fez um apelo para que todos retirassem seu dinheiro dos bancos.

Na sua carta aos prefeitos, Cantona destaca que espera conseguir as 500 assinaturas para “passar uma mensagem simples e clara, uma mensagem de verdade e de respeito”.

Em editorial, o jornal Libération comparou a iniciativa a um “drible que lembra seus tempos de jogador”, usando a plataforma das eleições para “melhor acertar o alvo – a urgência social dos problemas de moradia”.

“É possível comprometer-se com diversas causas. Se escolhi este tema, é porque se trata de um problema que diz respeito a 10 milhões de pessoas”, explicou.

“É importante falar quando temos a possibilidade de sermos ouvidos. No dia 1º de fevereiro, a Fundação Abbé-Pierre divulgará seu informe anual. Todos os candidatos serão convidados e espero que estejam presentes. Será uma oportunidade para obter verdadeiros compromissos políticos da parte deles”, completou.

“Precisamos de um porta-voz como Cantona para dar às questões da moradia o espaço que merecem na campanha”, explicou à AFP Patrick Doutreligne, diretor da Fundação Abbé-Pierre.

Eleito ‘jogador do século’ pelos torcedores do Manchester United, onde jogou de 1992 a 1997, Cantona venceu quatro vezes o Campeonato Inglês com os ‘Red Devils’.

No cinema, interpretou a si próprio no filme ‘Procurando Eric’, de 2009, do diretor britânico Ken Loach.