Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Canadá confirma favoritismo e conquista ouro no Hóquei

Melhor jogador do mundo, Crosby é decisivo em Sochi e conduz seu país a nona medalha dourada, tornando-se maior vencedor da história da modalidade

O Canadá confirmou neste domingo a hegemonia no hóquei no gelo. Depois de acompanhar a conquista do time feminino, foi a vez da seleção masculina sagrar-se bicampeã olímpica em Sochi, na Rússia, ao derrotar a Suécia por 3 a 0. É a nona medalha de ouro do país – o maior vencedor da história da modalidade.

Leia também

Cabine de fotos é sensação da Vila Olímpica em Sochi

Isadora Williams será porta-bandeira do Brasil no encerramento

‘Pouco importa se sou uma atleta. Tenho de ser uma cidadã’

O astro Sidney Crosby, eleito o melhor jogador do mundo, confirmou a fama de aparecer nos momentos mais decisivos. Assim como na última edição dos Jogos, em Vancouver, em 2010, quando fez o gol da vitória sobre os Estados Unidos na decisão, o jogador do Pittsburgh Penguins (Estados Unidos) conduziu a equipe a mais um ouro marcando um dos três gols – Jonathan Toews e Chris Kunitz completaram o placar sobre os escandinavos.

Leia também:

Nunca foi tão ‘fácil’ ganhar uma medalha. A Holanda que o diga

Alemã é a primeira atleta flagrada em antidoping em Sochi

Além dos nove ouros olímpicos, o Canadá tem quatro pratas e dois bronzes, além de 18 títulos mundiais, 11 vices e sete vezes como terceiro colocado. A Suécia, atual campeã do mundo, conquistou a prata pela terceira vez, além dos ouros em Lillehammer, em 1994, e Turim, 2006.