Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Brasileirão: Está aberta a caça ao campeão Palmeiras

Com elenco robusto e a volta de Cuca, time alviverde é de novo o favorito ao título

O Palmeiras é o time a ser batido no Campeonato Brasileiro, que terá início neste sábado com duas partidas: Flamengo x Atlético-MG, às 16h, no Maracanã, e Corinthians x Chapecoense, às 19h, na Arena Corinthians. O atual campeão nacional, que vai estrear neste domingo contra o Vasco, em São Paulo, investiu em jogadores caros no início da temporada e tem um elenco ainda mais forte do que o do último Brasileirão.

A volta de Cuca, o carismático treinador que conduziu o time alviverde ao título em 2016, serve para reforçar o favoritismo do Palmeiras, assim como a chegada do volante Felipe Melo, com longa experiência no futebol europeu, do meia venezuelano Guerra e do atacante colombiano Borja, ambos destaques do Atlético Nacional no título da Libertadores da América no ano passado.

Veja também

Atlético-MG e Flamengo são agora, como já foram no ano passado, os principais candidatos a desbancar o Palmeiras. Os mineiros e os cariocas possuem elencos com muitos jogadores de alta qualidade, especialmente no ataque – casos de Fred, Robinho e Cazares, do Atlético, e Diego, Guerrero e Conca, do Flamengo. Além desses clubes, Santos, Corinthians, São Paulo, Grêmio, Cruzeiro e Fluminense possuem equipes de bom nível e podem entrar na briga pelo título.

Ao longo de quase sete meses (o torneio terminará no dia 3 de dezembro), o Brasileirão terá 380 partidas, espalhadas por nove estados de quatro regiões do país – isso sem contar os jogos disputados em cidades “neutras”, em busca de mais dinheiro. A competição é tão longa que vai começar perto do inverno brasileiro e terminará às portas do verão, época em que as altas temperaturas podem interferir no desempenho das equipes.

Daqui até dezembro, os 20 clubes participantes vão lutar não apenas pelo título, mas também por um lugar na Taça Libertadores da América, ou na Copa Sul-Americana, ou até mesmo contra o rebaixamento – afinal de contas, em quase todo ano um time grande é rebaixado, como ocorreu com o Internacional em 2016. O Campeonato Brasileiro pode não ser o melhor do planeta (está longe disso, até), mas uma coisa é certa: poucas competições do futebol mundial são tão imprevisíveis quanto ele.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. José Carlos Lopes de Oliveira

    Não vai ser fácil, pois o Verdão do meu coração é, e sempre será o Grande Campeão. O resto é Apito-Amigo, Rogério MICO Tri-Desclassificado, Ricardo SENIL Oliveira, e outras adjacências, etc, etc, etc…

    Curtir

  2. Mário Sergio Centini

    É isso aí! é bom respeitar o VERDÃO, o bão…

    Curtir