Balotelli escapa de punição extra por falta em Song

Por AE

Londres – Mario Balotelli escapou de uma punição extra, nesta terça-feira, ainda em razão de sua conduta violenta na partida do Manchester City contra o Arsenal no domingo, pelo Campeonato Inglês. A derrota do City por 1 a 0 deixou o rival Manchester United perto do título.

O atacante podia receber três jogos de suspensão por ter feito falta violenta em Alex Song, fora do lance, aos 20 minutos da partida. No entanto, a Associação de Futebol da Inglaterra (FA, na sigla em inglês) decidiu não julgar a falta, não marcada pela arbitragem.

A FA alegou que não avalia faltas fora do lance quando ao menos um dos árbitros testemunha a jogada, o que foi confirmado pela arbitragem. Se tivesse sido punido, Balotelli acumularia seis jogos de suspensão, já que cumprirá três partidas por ter sido expulso no segundo tempo.

Ele recebeu o cartão vermelho ao fazer a segunda falta em Bacary Sagna. Por se tratar da sua quarta expulsão no campeonato, o atacante recebeu a suspensão de três partidas. Assim, Balotelli só voltará ao City nos últimos três jogos do Inglês. Seu retorno acontecerá justamente no clássico com o Manchester United, considerado a final simbólica do campeonato.

Arrependido pela expulsão, o atacante pediu desculpas na segunda-feira, em razão de sua conduta violenta no domingo. Balotelli se manifestou publicamente a pedido do técnico da seleção italiana, Cesare Prandelli, que ameaçou deixar o atacante de fora da Eurocopa, em junho.