Apresentado, Roberto Cavalo fala em dispensa e trabalho

Na segunda-feira, Roberto Cavalo tornou-se o responsável por resgatar o Vila Nova da Série B do Campeonato Brasileiro. Apresentado, ele já comandou um treinamento e deu sua primeira entrevista coletiva, na qual destacou o trabalho duro que terá pela frente, e abriu a porta para os jogadores que não queiram estar lá.

‘Comigo vão trabalhar aqueles que estão pensando no melhor para o Vila e não pelo lado pessoal. Vou deixar claro a cobrança, a exigência, porque se o atleta estiver pensando no futuro, poderão sofrer uma queda. Quem não estiver se adequando às nossas condições, com certeza estará fora’, explicou o treinador.

‘A receita é trabalho. Em termos de dispensa, desunião, vaidades, tanto na diretoria como no grupo de jogadores, tudo isso só atrapalha. Posso deixar bem claro que no meu trabalho isso não vai influenciar’, acrescentou.

Nos primeiros trabalhos táticos, ele dissolveu o esquema com três zagueiros, tirando Augusto e lançando Túlio Souza. Ele também utilizou o atacante Roni entre os titulares.

‘Eles estão preocupados. Ninguém quer deixar uma história ruim em um clube da grandeza do Vila. Vai ter muita conversa, tenho certeza que o fator psicológico faz parte nesse momento. Ainda nesse semana, vou ter uma resposta mais concreta do trabalho’, declarou.

Com 29 pontos, o Vila Nova está em 18lugar. Para sair da zona de rebaixamento, precisa tirar sete pontos do Icasa. Na próxima rodada, o desafio é contra o Paraná, no Estádio Serra Dourada.