Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ancelotti é o novo técnico do PSG

O italiano Carlo Ancelotti é o novo técnico do Paris Saint-Germain, no lugar de Antoine Kombouare, anunciou nesta sexta-feira o diretor esportivo do clube, o ex-jogador Leonardo.

Após dois dias de negociações, o treinador de 52 anos, duas vezes vencedor da Liga dos Campeões (2003 e 2007), com passagens por Milan (2001-2009) e Chelsea (2009-2011) assinou um contrato de dois anos com o atual líder do Campeonato Francês.

Segundo os jornais franceses L’Equipe e Parisien, Ancelotti receberá um salário de entre seis e sete milhões de euros por ano, um valor recorde na liga francesa.

O clube, comprado em agosto pelo fundo de investimento QSI (Qatar Sports Investment), nomeou o brasileiro Leonardo como diretor esportivo, já investiu 85 milhões de euros em reforços no início da temporada e ainda pretende fazer mais contratações de peso na janela de transferências do inverno europeu.

“Citar nomes agora não seria oportuno, já que tratam-se de jogadores importantes para seus clubes e mencioná-los agora poderá deixar o preço deles mais salgado”, explicou o treinador na coletiva de imprensa na qual foi apresentado.

Entre os nomes mais cotados para reforçar a equipe, os brasileiros Alexandre Pato e Kaká, além do astro inglês David Beckham ou do meia francês Florent Maoulida.

“Posso até ter contatos com todos eles, mas trazê-los para o time é outra história”, comentou o técnico, que deu mais ênfase ao caso de Pato, já que a imprensa francesa revelou que o PSG estaria disposto a paga 50 milhões de euros ao Milan pelo valor do seu passe.

“Pato faz parte do grupo de jogadores com os quais tenho boas relações e fico feliz pelo interesse dele em jogar conosco, mas para contratar todos estes jogadores, não terá mais espaço centro de treinamento”, brincou o treinador.

Ancelotti terá entre seus auxiliares o ex-volante da seleção francesa Claude Makélélé, capitão do PSG até o último mês de maio do ano passado, que atuava desde então como conselheiro do clube.

O técnico italiano deve viajar no domingo com seus novos jogadores para uma sessão de treinos no Qatar e em Dubai até o dia 5 de janeiro.

Sua primeira partida oficial à frente do time parisiense será no dia 8 de janeiro em Lorient contra o Locminé, time de quinta divisão, pela Copa da França.

“Pretendo aproveitar este período de janeiro para melhorar a equipe na medida do possível”, explicou o treinador.

A chegada de Ancelotti pelo PSG não é uma surpresa, já que desde que assumiu o cargo de diretor esportivo, Leonardo disse abertamente que a contratação do italiano era uma das suas prioridades. Os dois já se conhecem por já ter trabalhado juntos no Milan.

O dirigente brasileiro sempre duvidou das capacidade de Antoine Kombouré lidar com as novas estrelas contratadas pelo clube e causou uma grande polêmica na França ao demiti-lo apesar dos time ocupar a liderança do campeonato francês.