Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Alonso vence GP da Coreia do Sul; Massa é o terceiro

Apesar da chuva, espanhol chega à liderança do Mundial, em sua 17ª prova

Apesar da chuva, tudo deu certo para o espanhol Fernando Alonso, da Ferrari, numa das provas mais conturbadas da história da Fórmula 1. Para vencer o Grande Prêmio da Coreia do Sul, realizado no circuito de Yeongam, Alonso contou com os problemas dos rivais da Red Bull para vencer. De quebra, ainda chegou à liderança do Mundial, em sua 17ª prova. O inglês Lewis Hamilton, da McLaren, acabou em segundo, e o brasileiro Felipe Massa, também da Ferrari, completou o pódio.

A prova, cheia de surpresas, começou com atrasos e precisou ser interrompida. Poucas horas antes da disputa, uma chuva torrencial castigou o circuito. A água trouxe lama para o asfalto, e os organizadores tiveram muitas dificuldades para deixar a pista em condições. Ocorreram vários acidentes.

Com a vitória, Alonso chegou aos 231 pontos na soma geral do Mundial e assumiu o primeiro lugar da tabela. O espanhol superou o australiano da Red Bull Mark Webber (220 pontos), que precisou abandonar a prova após perder o controle do carro em uma curva. Em terceiro lugar na classificação aparece Hamilton, com 210 pontos.

Classificação do Grande Prêmio da Coreia do Sul de Fórmula 1, até o 15º lugar:

1. Fernando Alonso (ESP/Ferrari): os 309,155 km em 2h 48m 20s 810 (velocidade média 110,185 km/h)

2. Lewis Hamilton (GBR/McLaren) a 14s 999

3. Felipe Massa (BRA/Ferrari) a 30s 868

4. Michael Schumacher (ALE/Mercedes) a 39s 688

5. Robert Kubica (POL/Renault) a 47s 734

6. Vitantonio Liuzzi (ITA/Force India) a 53s 571

7. Rubens Barrichello (BRA/Williams-Cosworth) a 1m 09s 257

8. Kamui Kobayashi (JPN/Sauber-Ferrari) a 1m 17s 889

9. Nick Heidfeld (ALE/Sauber-Ferrari) a 1m 20s 107

10. Nico Hülkenberg (ALE/Williams-Cosworth) a 1m 20s 851

11. Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso) a 1m 24s 146

12. Jenson Button (GBR/McLaren) a 1m 29s 939

13. Heikki Kovalainen (FIN/Lotus-Cosworth) a 1 volta

14. Bruno Senna (BRA/Hispania-Cosworth) a 2 voltas

15. Sakon Yamamoto (JPN/Hispania-Cosworth) a 2 voltas

(Com agência France-Presse)