Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Abidal submetido a um transplante de fígado nesta terça-feira

O lateral francês Éric Abidal, do Barcelona, deve ser submetido um transplante de fígado nesta terça-feira, um ano depois de ter sido operado por um tumor no mesmo local, informou à AFP um porta-voz do clube catalão.

“Confirmo que a cirurgia está prevista para hoje (terça-feira), mas não sei se ela começou”, explicou o porta-voz do Barça. “Estamos nas mãos dos médicos, vamos ver o que eles vão falar”, completou.

De acordo com o diário catalão Sport, o atleta teria entrado na sala de cirurgia do hospital Clinic de Barcelona às 10h00 locais (5h00 no horário de Brasília), para um operação que pode durar entre seis e oito horas.

O jogador deve receber um fígado de um doador vivo, que seria seu primo Gérard, de acordo com a imprensa espanhola.

A notícia de que Abidal tinha que ser submetido a este transplante foi divulgada no último dia 15 de março, enquanto o atleta tinha disputado a maioria dos jogos desta temporada como titular do Barcelona.

O lateral de 32 anos foi operado por um tumor no fígado no dia 17 de março de 2011 e foi citado como exemplo de superação por se recuperar em tempo recorde.

Ele até disputou a final da Liga nos Campeões, no último dia 28 de maio, e teve a honra de levantar o troféu que o Barça venceu ao superar o Manchester United por 3 a 1.

“Este tumor me atingiu. A vida pode mudar, estou seguindo um tratamento, tomo medicação todos os dias, mas não sei como meu corpo vai reagir. Hoje, estou bem, mas amanhã, não sei”, declarou o jogador em setembro.

O francês renovou recentemente seu contrato com o Barcelona, que vencia no em junho de 2012, por mais uma temporada.

“Éric Abidal é muito precioso para nós. É muito complicado encontrar um jogador como este”, elogiou seu técnico, Josep Guardiola, que o escalou durante 38 partidas nesta temporada, tanto na lateral quando na zaga, quando Carles Puyol ou Gérard Piqué desfalcaram a equipe.

O treinador da seleção francesa, Laurent Blanc, também lamentou os problemas de saúde de Abidal, que pretendia convocar para a Eurocopa-2012, que será disputada dos dias 8 de junho a 1º de julho na Ucrânia e na Polônia.